07 novembro 2017

11

Como se Casar com Um Marquês - Julia Quinn!



Elizabeth Hotchkiss está com dezoito anos e há cinco cuida de seus três irmãos, sendo Susan com quatorze anos, Jane com nove anos e Lucas com oito. Desde a morte de sua mãe em um acidente de carruagem e de seu pai seis meses após de sua mãe, ela ficara responsável pela guarda de seus irmãos. O problema é que não sobrou nada de bens para que eles pudessem sobreviver a não ser um pouco de dinheiro no banco e alguns anos de aluguel pago.

A questão era que mesmo que seu irmão fosse um baronete eles não tinham nada de dinheiro, exceto o que Elizabeth ganhava sendo dama de companhia de Lady Danbury, a condessa viúva que muitos tinham medo. Mesmo este trabalho não sustentava a todos e agora ela sabia que precisava que seu irmão fosse para Eton, onde todos com algum tipo de título iam estudar. Não somente isto, sua irmã logo precisaria debutar e todas as outras necessidades básicas estavam condenadas.

Lady Danbury estava com sérios problemas. Alguém estava chantageando a viúva com um segredo referente a uma de suas filhas. Não que ela se importasse sobre saberem algo sobre sua vida, mas não queria que as pessoas soubessem sobre sua filha, já que isto poderia machucar e magoar sua filha. Assim, o melhor plano seria chamar seu sobrinho James, o marquês de Riverdale que tinha talento para descobrir coisas, já que tinha trabalhado para o Departamento de Guerra. O problema é que já que algumas pessoas o conheciam, ele teria que se disfarçar como o novo administrador da propriedade.

Quando James chegou à casa de sua tia, seu disfarce já estava todo feito. Ele era um mero trabalhador e precisava desvendar o mistério o quanto antes. Enquanto isto a necessidade de Elizabeth de se casar era imediata e foi com a descoberta do livro Como se Casar com um Marquês, que ela decidiu que seguiria os decretos do livro e o treinaria com o novo funcionário de Lady Danbury.

E é nestas obras do destino que idas e vindas entre James e Elizabeth iram acontecer e o grande segredo de Lady Danbury pode ficar ameaçado. O que resta é sabe se os decretos do livro vão fazer alguma diferença.



Autora: Julia Quinn
Título Original:  How To Marry a Marquis
ISBN: 9788580417616
Páginas: 320
Ano: 2017
Gênero:  Romance de Época
Editora: Arqueiro






 

Este é o segundo volume da série Agentes da Coroa e também é o último, já que Julia Quinn resolveu escrever somente uma duologia. Antes deste tem Como Agarrar uma Herdeira onde são apresentados os personagens de Blake e Caroline que mais para a metade deste segundo volume acabam dando o ar da graça novamente, agora como um casal.

A narrativa de Julia Quinn para esta duologia é bem mais suave e não tão descritiva quanto os outros livros que li dela, de forma que os diálogos fluem bem mais facilmente também. O que gosto na forma como ela interpreta cada personagem é que sempre tem diversas características que tornam cada um deles peculiar. 

James já foi apresentado no primeiro volume, mas neste o foco é bastante na forma como ele age e lida com outras pessoas que não sejam envolvidas no departamento de guerra para o qual ele trabalha. Gostei principalmente do fator de ele ser compreensivo, atencioso e dedicado e logicamente muito protetor, mesmo não tendo uma infância nada fácil.

Outra personagem que apreciei bastante foi a Lady Danbury, que tem um estilo arrogante, mas totalmente engraçado de ser. Ela se mostra brava e todos a temem, mas no fundo ela ama todo mundo e gosta de ajudar a todos. 

Desta vez eu fui com mais sede ao pote na leitura já que o primeiro volume me maravilhou com todas as tiradas engraçadas. Este é um pouco mais lento, porém é mais romântico e mais voltado ao drama de uma família que ficou sozinha após perder os pais. Julia Quinn teve o bom senso de mostrar como a força de Elizabeth foi crucial ao longo dos anos.

Penso que em alguns momentos a história virava um pouco clichês, mas a autora consegue conquistar o leitor de todas as formas, sendo com as cenas de gato e rato quanto com as cenas familiares e demonstrações de amizade. 

Outra coisa que apreciei foi que desta vez Londres não foi o foco de um romance de época e sim o campo, o interior, e gosto quando não fica tudo voltado para o luxo e a nobreza como em certos livros acontece. E o final também é bem descrito, sem muita enrolação e deixando o leitor com um gostinho de quero mais.






11 comentários:

  1. Olá! Eu não tive muitos contatos com as história de Julia, e essa duologia ganhou o meu coração, acho que depois dela, me interessei mais pela escrita da autora. Curti bastante esse livro, adorei a companhar a história de James, um personagem que me cativou imensamente no primeiro volume da série. Sem esquecer que Lizzie também me conquistou, assim como seus irmãos e tão espirituosa Lady Danbury. Adorei rever Blake e Caroline, quando eles estão em cena, é risada na certa.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Olá, quero muito ler esse livro pois sou fã da Julia e amo romances de época. Achei muito interessante o fato de a personagem cuidar dos irmãos (gosto de histórias que tenham irmãos) e de podermos rever a Lady Danbury .

    ResponderExcluir
  3. Oi, Greice

    James já conquistou meu coração em Como Agarrar uma Herdeira, então claro que estou muito curiosa a respeito desse.
    E tem mais um motivo: Lady Danbury! Saudades da velha mais chata de Londres! Hahahaha
    Também achei legal o foco sair um pouco de Londres, deu um diferencial bacana pra duologia.
    Já sei que vou adorar Elizabeth!

    Beijos
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  4. Sou muito fã da autora e olha que nem li ainda toda a sua serie de mais sucesso, que é Os Bridgertons. Mas assim que temrinar, quero correr para este aqui. Achei legal o livro se passar no campo, sabe que eu até prefiro??? Londres tá meio batida... rs
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oie, tudo bom?
    Eu nunca li nada da Julia, mas quero muito começar! O problema é que ela tem muitos livros que são trilogias, séries, únicos. Nunca sei por odne começar, rs. Mas amei essa resenha, então vou pesquisar mais sobre pra ver se posso começar!

    ResponderExcluir
  6. Olá Greice,
    Tenho lido muitas resenhas positivas sobre esse livro e, confesso, ficado bastante curiosa, pois adoro a escrita da autora. Achei muito legal isso que você disse de, nessa duologia, a escrita da autora estar menos descritiva. Também achei muito positivo ele ser mais romântico que o anterior e não me senti receosa de ler por ele ser mais lento não :)
    Dica anotada.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Eu só li dois livros da Julia até agora e gostei muito da escrita dela, que é muito fluida.
    Pela sua resenha essa duologia é ainda melhor, com uma pitada de comédia e muita paixão, tenho certeza que vou adorar ler, ainda mais porque a mocinha parece o tipo de personagem que eu adoro

    ResponderExcluir
  8. Oi Greice,
    quero muito conhecer essa duologia da Júlia, já amo a escrita da autora desde "Os Bridgertons" e depois de ler milhares de resenhas elogiosas dessas novas histórias dela é meio impossível não querer ler, adorei os pontos destacados em sua resenha, também gosto quando as histórias abandonam um poucos os grandes bailes e salões e se passam no campo, geralmente as possibilidades são muito mais amplas. Certamente vou lê-lo em futuro próximo.

    Abraços!
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir
  9. Romance de época já é tudo de bom, ainda mais quando vem com enredo cheio de segredos, fiquei curiosa em saber
    sobre a chantagem da filha da viúva. Só saberei lendo rsrs Fico ainda mais animada por saber que se trata de uma duologia, nunca consigo as séries completas. E como sempre digo, o amor é clichê, então cabe a autora
    nos envolver com a história, para que o livro faça sucesso. Dica anotada.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Ooie, tudo bem?
    Eu já li algumas resenha sobre esse livro e infelizmente o gênero de leitura não é daqueles que me agradam não :(
    Mas sei que a autora tem muitos fãs e para quem gosta desse tipo de trama, provavelmente é um prato cheio né?
    Parabéns pelo blog e resenha <3

    ResponderExcluir
  11. Olá,

    Vejo que os livros da Julia de alguma maneira se entrelaçam né, achei isso bem curioso. Não tive a oportunidade em fazer essa leitura, mas estou animada para fazê-lo, porque tenho muitos livros da JQ para ler ainda.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos