05 setembro 2017

0

Pegando Fogo - Abbi Glines! [Resenha #362]


Sinopse:

Nan Dillon, a bad girl de Rosemary Beach, é uma garota imatura e egoísta que não tem outra preocupação na vida a não ser manter o corpinho perfeito. Só que Nan está longe de ser feliz: nunca teve o amor dos pais, o irmão adorado não tem mais tempo para ela, e Grant, o único homem de quem gostou de verdade, resolveu trocá-la pela meia-irmã dela.
Então, quando Major Colt a convida para sair, ela não pensa duas vezes. Apesar de saber que esse texano charmoso e de fala mansa não quer nada sério, ficar com ele é melhor do que estar com as colegas fúteis ou passar as noites sozinha vendo televisão.
Mas logo Nan fica farta do comportamento descompromissado de Major e, depois que ele a deixa plantada em casa mais uma vez, decide ir a Las Vegas para um fim de semana sem regras e sem limites. Lá, conhece Gannon, um empresário sedutor e perigoso que sempre diz exatamente o que ela quer ouvir.
Quando Major vai atrás dela implorar por uma segunda chance e Gannon mostra que não é tão perfeito quanto ela pensava, Nan tem que decidir a quem entregar seu coração. O que ela não percebe é que os dois têm uma estratégia de longo prazo para ela – e já estão várias jogadas à sua frente.

Autora: Abbi Glines
Título Original: Up in Flames
ISBN: 9788580417524
Páginas: 224
Ano: 2017
Gênero:  Ficção / Romance
Editora: Arqueiro




Em Pegando fogo, conhecemos a história de Nan uma das vilãs da série. Uma personagem que vem nos deixando com fome de vingança. Engraçado como até os vilões tem outro lado. Todos estamos tão acostumados a vermos eles levando a pior, que conhecê-los é até difícil.

Major, primo de Mase, um aventureiro e mulherengo, um homem realmente lindo que agora trabalha para De Carlo e sua missão é descobrir se Nan está envolvida com Franco um perigoso traficante de drogas. Mas como descobrir sem se envolver e partir o coração dessa mulher que sempre foi ignorada e abandonada. Uma mulher que não era compreendida por mais mimada que fosse. Que só queria ser amada e cuidada, além de admirada por alguém que a amasse verdadeiramente.

Major - "Se Nan não tivesse sido tão carente no começo, eu teria conseguido ir até o fim. Mas a mulher me queria só para ela, e eu não era um homem de uma mulher só. Jamais seria."

Ela quer ter uma família como a que seus irmãos construíram. Ela quer se apaixonar e amar alguém que se importe com os seus sentimentos. Alguém que veja através da sua beleza, sem se importar com que é seu pai.

Nan - "Pelo menos a minha casa não tinha lembranças de Gannon. Lá ele só aparecia para mim em meus sonhos."

Cope é um matador de aluguel,  sem coração, frio e profissional. Ele faz o que tem de fazer.
Mas muitas horas observando uma mulher deslumbrante, enquanto seu pupilo Major, tenta resolver o caso, o esta deixando sem paciência. Afinal Major só quer se divertir com a maior quantidade de mulheres possível e por isso não consegue a confiança de Nan, para descobrir se ela esta ou  não envolvida. Quando Cope decide entrar em ação ele chega com maestria. Um homem perigoso, forte e encantador é atração na certa para muitas mulheres. Um homem com poder atraí de qualquer maneira. Posso dizer que o livro tem o título perfeito. Aqui tudo esta literalmente pegando fogo.


Cope - "Ela tinha vindo até mim. Eu. Ela havia me escolhido."

Ao entender Nan nesse livro, simpatizamos com a sua história, mesmo que ainda não a perdoamos por suas maldades. Ela é um ser humano com mais erros que acertos,  mas que  encontrando o amor pode até se transformar. Li em poucas horas e posso dizer que a Abbi Glines a cada livro me conquista mais e mais. Se ainda não leram a série corram, pois você irá se apaixonar por esses personagens.



ESTA RESENHA FOI FEITA PELA BLOGUEIRA E COLUNISTA CONVIDADA ELIS DO BLOG A MAGIA REAL.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos