06 janeiro 2017

14

O Medo Mais Profundo - Harlan Coben! [Resenha #334]



Myron Bolitar é um homem de negócios esportivos que sempre jogou basquete na época da escola e no início do tempo da universidade, até que quando namorava Emily, uma garota com quem imaginava que ia se casar e que acabou o trocando pelo seu maior rival, Greg, teve seu destino traçado. Uma noite antes do casamento de Emily e Greg, os dois acabaram saindo juntos e Emily traiu o próprio noivo. Com essa raiva guardada Greg fez com que alguns jogadores armassem para Myron em um jogo e assim o machucassem o suficiente para que ele nunca mais pudesse jogar basquete e tivesse que largar seu sonho profissional.

Agora, após trezes anos, Emily procura Myron para dizer que precisa da sua ajuda, já que junto de sua profissão ele também trabalha com investigações. Só que Emily aparece trazendo a notícia de que o filho mais velho dela, Jeremy está com uma doença rara e terminal e que para ser curado precisa de uma doação de medula óssea e a única pessoa que apareceu compatível no cadastro nacional de doadores agora simplesmente sumiu. E que Myron também é o pai do garoto.

Mas há poucas pistas com o sumiço do doador. O nome dele remete à uma família rica e poderosa e a alguém que sumiu há muito tempo. Tentar encontrar uma resposta em meio a esta família é como buscar a morte, mas também há um jornalista que pode saber mais coisas do que se imagina, já que foi acusado de plágio a respeito de assassinatos recentes. 

Com a ajuda de seu amigo Win, um milionário que parece ser frio mas é totalmente louco em qualquer situação, de Esperanza, a secretária e de outros amigos, Myron vai lutar até o fim para desvendar o mistério acerca do doador até encontrar algo que nunca deveria ter buscado.



Autor: Harlan Coben
Título Original: Darkest Fear (Myron Bolitar #7)
ISBN: 9788580416145
Páginas: 272
Ano: 2016
Gênero:  Suspense Policial
Editora: Arqueiro







 


Para quem não conhece ainda, a saga de Myron Bolitar  já está no décimo livro, sendo que O Medo Mais profundo é considerado o sétimo. Este é um personagem que foi criado por Harlan Coben e que encena muitas narrativas policiais. A Arqueiro tem praticamente todos os livros lançados e não há preocupação alguma em ler os livros em sequência, já que cada livro tem uma história diferente com início, meio e fim.

Eu já outro livro com este personagem mas acredita que não me recordava dele? Acho que eu me apego mais na história do que no personagem em si, mas neste é impossível não se ater diretamente ao personagem de Myron Bolitar e as características que compõe a sua personalidade.

Primeiro preciso falar sobre este personagem. Myron é altamente dedicado em suas ações, seja ela no campo profissional ou no campo das investigações, sendo que ele não considera como profissão rentável esta última. Mas mesmo sendo um personagem forte, com traços musculosos e tudo o mais, o que mais marca é o jeito bem humorado e engraçado com que ele lida com as pessoas. Ele tem um humor negro e diálogos que me fizeram rir diversas vezes. Não é como se fosse uma pessoa boba e sim uma pessoa sarcástica que tira piada de tudo. Acho que isto é uma vantagem enorme para Myron.

Em contrapartida há também seu melhor amigo Win, um homem mais frio, mas que você pode contar para qualquer momento e para qualquer tipo de ação. Ele tem todos os tipos de contato e você pode se surpreender com ele nos mais tipos de atitudes para ajudar os amigos. É muito legal os amigos que Myron é cercado, pela questão de que cada um tem um perfil que sempre ajuda e pela lealdade de todos eles.

A história também foi muito bem montada. Se você vai querer ficar procurando uma brecha ou um culpado desde o início já aviso que pode estar perdendo tempo porque tudo muda a todo o momento e é isto que mais me fascina nos livros do Harlan Coben, já que ele tem uma dádiva para criar os casos e resolvê-los sem fazer o leitor ficar achando tudo muito chato.

É bastante envolvente. Tanto o tema em si quanto os acontecimentos que aos poucos vão sendo inseridos. Na verdade o tema do filho que luta contra uma doença foi mera casualidade, já que com isto Harlan conseguiu criar uma história enorme que no fim quase não impacta tanto diretamente em Jeremy e sim em outras questões que estavam escondidas e aos poucos vão sendo desvendadas. 

É impossível gostar de suspense policial e não curtir algum livro do autor. De uma forma ou de outra ele acaba conquistando e sendo um dos melhores no gênero.






14 comentários:

  1. Oi!
    Adoro livros policiais e por isso Harlan coben é um dos meus autores favoritos. Li esse livro ano passado e o achei muito bom, com uma trama bem feita, mistério bem articulado e um desfecho impensável.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Oi
    Amo romance policial, é um dos meus gêneros preferidos, quando eu era criança era justamente os livro de investigação da Coleção Vaga-Lume os que eu mais gostava.Mas acredita que nunca li nada do Coben, nossa tem tantos livros dele que quero ler que nem sei por onde começar.
    Esse me deixou bem interessada.
    Eu realmente preciso colocar um Coben em minhas metas

    ResponderExcluir
  3. Oii Greice, tudo bom? Adorei a resenha. Eu já li dois livros do autor e gostei de ambos (Confie em mim e Seis anos depois). Eu tenho vontade de ler essa serie dele, mas sempre adio a leitura por ser enorme. Mas O Medo Mais Profundo parece ser bem legal, então anotei a dica.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Acredita que ainda não li nenhuma das obras do Harlan?
    É que estou começando a me arriscar no gênero agora e pretendo tentar ler um dos livros da série na qual Myron tenta desvendar mais um dos casos.
    É legal saber que os livros da série podem ser lidos fora de ordem, porque cada um tem um início meio e fim independente!
    Todo o mistério que cerca os acontecimentos me deixa bem intrigada.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Apesar de todos os elogios no mundo para Harlan, e olha que todo mundo fala bem, infelizmente ainda não me interessei pelo genero que o autor trabalha, fazendo com que eu não tenha lido nenhum livro dele. Confesso que tenho problemas para gostar de algo assim e por isso passa dica. Mas adorei a forma como você fez a desenha, é mega diferenciada no sentido bom!
    Adorei!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Menina eu sou apaixonada por Harlan Coben, infelizmente não tive a oportunidade de ler esse ainda e sua resenha me deixou com mais curiosidade ainda! Esse homem é uma máquina de escrever kkkk

    www.memoriasdeumaleitora.com.br

    ResponderExcluir
  7. Gosto de enredo assim bem bolados e com mistérios difíceis de decifrar, e que por mais que o leitor queira descobrir algo ou não descobre ou erra feio. Anotei aqui sua dica para ler o quanto antes.

    ResponderExcluir
  8. Nunca li nada do Harlan, acredita? Uma vergonha na minha vida hahaha
    Esse livro parece muito interessante. Espero ter a oportunidade de acompanhar o Myron em alguma aventura :D

    bjs Papierllon

    ResponderExcluir
  9. Oi Harlan é simplesmente o Pai do gênero Policial, não é mesmo?
    Amo o gênero e por conta disso, me envergonho ainda de não ter tido a oportunidade de ler nada do autor.
    Esse livro parece ser muito bom e sem dúvidas é uma ótima pedida.

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  10. Olá.

    Sou apaixonada por romance policial e estou louca para ler esse livro, visto que vejo muitas resenhas falando maravilhas sobre essa obra. Vejo que o autor sabe muito bem desenvolver uma boa trama, né? Fico muito feliz q vc tenha gostado e espero gostar da obra também e pelo que li na sua resenha, tenho certeza que vou gostar.

    Beijos,
    Respire Literatura

    ResponderExcluir
  11. Oii, tudo bem?
    Eu sou apaixonada na escrita do Harlan Coben, esta certo que eu só li dois livros dele, mas ele me conquistou com a sua escrita. Eu gostei muito da sua resenha e ela me deixou muito animada para ler todos os livros do autor, e saber que ele não da muito brecha para descobrirmos o verdadeiro culpado me anima mais ainda.

    ResponderExcluir
  12. Olá.
    Gostei muito da sua resenha, nunca li um livro do autor, e embora sua resenha tenha sido beem positiva, ainda não tive vontade de ler, é que essa não é mesmo minha praia e olha que fiz algumas tentativas. Gostei de saber que o livro é muito bem escrito e envolvente. E também achei bacana que apesar de ser o 7° livro da série pode ser lido fora de ordem.

    ResponderExcluir
  13. Olá,
    Eu já conheço o Harlan e sou muito fã dos seus livros. Já li uns 2 ou 3 e amo cada um deles. Além disso, gostei da sua resenha do livro O Medo Mais Profundo e fiquei bem curiosa. O Harlan sempre arrasa na montagem do mistério e nunca conseguimos adivinhar kkkk
    Beijos,
    Delírios Literários da Snow

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Adorei a sua resenha! Gosto muito do gênero policial mas ainda não tive a oportunidade de ler nenhuma obra do autor, uma pena, porque sei que iria amar! Não sei se começaria com esse, mas pretendo ler algum dia.
    Beijos.

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos