18 outubro 2016

12

Operação Perfeito - Rachel Joyce! [Resenha #322]


James Lowe e Byron Hemmings são dois amigos que vivem juntos, ainda mais na escola em que estudam. Byron admira James por sua capacidade de resolver assuntos difíceis ou de dar conselhos especiais. Byron mora em um lugar bastante distante da cidade, já que seu pai acha que privacidade é algo glorioso. A charneca Craham Moore onde moram é linda, há um lago próximo e sua mãe Diana e sua irmã Lucy são inseparáveis. Seu pai trabalha em Londres durante a semana e passa o final de semana em casa. 

Certo dia James veio com uma história de que leu em jornais algo sobre a adição de dois segundos no tempo. Sim, eles iriam adicionar dois segundos para corrigir um erro no tempo. Byron ficou apavorado e ficou pensando no quanto aquilo era estranho e o quanto aquilo podia mudar a vida das pessoas. Dois segundos podia fazer uma pessoa morrer ou então uma pessoa mudar de ideia ou uma pássaro voar para o lado errado. Byron ficou totalmente preocupado.

Então em um dia indo para a escola, em meio a um trânsito caótico que Diana em seu jaguar novinho, dado pelo marido, resolve pegar outro trecho e sair em Digby Road, um lugar pobre onde as pessoas viviam em situações bem desfavoráveis. E foi lá que Byron viu que seu relógio voltou no tempo em dois segundos e ao mesmo tempo foi lá que viu que uma menininha em uma bicicleta vermelha começava a atravessar a rua sem que sua mãe visse e ao chamar a atenção da mãe para os dois segundos, a menina foi parar embaixo do carro.

Sem perceber nada Diana deu a volta e foi embora, mas o estrago já estava feito. Byron viu tudo. Viu o acidente e a menina que não se movia mais. Tudo por culpa dos dois segundos. Agora sua vida virava do avesso e sua mãe sequer tinha percebido o que fizera? Ou será que estava mentindo?

A verdade é que aqueles dois segundo vão mudar o destino de toda a família já que Dana vai voltar e procurar pela garota e descobrir que realmente o acidente aconteceu e que o que parecia apenas simples se tornará um inferno tão grande que vidas vão mudar completamente. Para sempre.


Autora: Rachel Joyce
Título Original: Perfect
ISBN: 9788581052564
Páginas: 303
Ano: 2015
Gênero:  Ficção / Romance
Editora: Suma de Letras





    
 

Na capa de Operação Perfeito tem a seguinte frase dita pelo The Times: "Você vai acabar recomendando este livro para todas as pessoas que você conhece." Vou ter que concordar com esta frase absolutamente. 

Não sei por qual motivo exitei em ler Operação Perfeito. Na verdade eu lia a sinopse e ficava pensando que seria um livro meio devagar ou que poderia não fazer muito a minha cabeça e então pegava outro livro e este voltava para a seção de livros a serem lidos. Até que este mês eu resolvi encarar esta jornada já que li um outro livro da autora e foi fantástico pois ela tem um dom de fazer descrições detalhadas na história e conseguir cativar com seus personagens. O livro foi A Improvável Jornada de Harold Fry. 

De início fiquei imaginando o que poderia ter de assunto na questão de adição de dois segundos no tempo. Ao continuar da história tudo foi se encaixando e então eu tive um leque maravilhoso de uma história que ia sendo traçada e flashes de emoções jogados ao vento. A questão da adição dos dois segundos ao tempo foi uma pequena jogada da autora, mas o que restou do acontecimento é de fazer o coração começar a bater mais forte.

A princípio a amizade que há entre Jamie e Byron por si só já é um prêmio. Os dois são extremamente preocupados um com o outro mesmo que não possam se ver sempre. Jamie está sempre aberto para trilhar os desafios lançados na família de Byron e este encara tudo com a maior garra. Aos poucos quando a família resolve investigar o acidente que ocorreu com a menina da bicicleta vermelha e percebe que realmente aconteceu e as coisas começam a mudar, o leitor percebe que há um mundo sombrio e que as pessoas não podem ser totalmente confiáveis. Isso foi o que mais me causou a dor no coração.

É como ver um filme rodando na sua frente e não poder parar para mudar as coisas. É você perceber que há pessoas fazem de tudo para conseguir o que desejam e até mesmo destruir as outras e mesmo assim o amor não deixa de existir até o fim para alguma delas. 

Também em paralelo com a história contada em 1972 há a história de Jim já perto dos quarenta anos que conta como foi sua vida a partir dos dezesseis anos e de como tudo mudou a partir de uma decisão que ele tomou. Este personagem é maravilhoso e é como se eu desejasse torná-lo meu amigo por tudo o que ele passou.

As duas histórias acabam se interligando e o final é inebriante. Deu vontade de abraçar o livro e dizer obrigada para a autora. Obrigada por me mostrar as emoções: o amor, a amizade, a felicidade. Mesmo que também tenha havido emoções ruins, claro e tenha havido sequelas.

Os capítulos são intercalados entre a vida em 1972 e a vida de Jim nos dias mais atuais. 

É um livro que o tempo não apagou e que as consequências foram longas, mas no final você se pergunta o que teria feito de diferente? Lindo. Lindo e lindo!






12 comentários:

  1. A capa do livro é uma graça o enredo parece bem interessante. No momento estou fugindo de personagens mt jovens, mas espero poder ler um dia e me encantar como vc.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  2. Oii Greice, tudo bem?
    Que coisa mais linda esse livro, adoraria mesmo ter a oportunidade de realizar a leitura dessa beleza, achei a história emocionante e a capa é linda demais.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Oi, Greice!

    Quero muito ler esse livro! A capa me conquistou assim que eu vi! Parece ser uma história bem emocionante!

    Sucesso com o blog sempre!
    Beijos, Belle.
    floraliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem?

    Menina, sou leitora aficionada de ficção e amo saltos temporais, casas na quarta dimensão, interligações de época. Agora, livro com jovenzinhos e adolescentes gênios me fazem correr para longe. Não me pegam de maneira nenhuma.

    Sua resenha me deixou com curiosidade para conhecer mais da obra, mesmo tempo resistência com livros com jovens.

    bjss

    ResponderExcluir
  5. Oie!!
    Pensa numa pessoa que ficou completamente curiosa agora... não conhecia o livro, mas essa história de diferenças de tempos, essas aventuras eu gosto, e gosto muito!!
    Anotei a sua dica, vou pesquisar um pouco mais sobre ela e quem sabe o leia no futuro.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Esse livro me chamou muito a atenção! Fiquei muito curiosa com a história e essa diferença no tempo que tem e porque a mãe dele age como se nada tivesse acontecido. Dica anotada!
    Beijos.
    https://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  7. Oii,

    Não conhecia esse livro e fiquei bem interessada em lê-lo. Ainda mais com um mistério no ar rolando por conta do acidente com Byron e sua mãe. Espero lê-lo em breve.

    beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá!! Adorei a premissa e a sinopse desse livro, além disso a capa me ganhou, mas admito que não leria pois não me chamou tanta atenção! No mais sua resenha ficou incrível, mto bem escrita e desenvolvida!

    ResponderExcluir
  9. Ual, que livro curioso, eu realmente adorei a premissa, nunca havia parado para pensar sobre o assunto, fiquei intrigada em ver como a históra irá se desenvolver, será que realmente apenas 2 segundos pode mudar a vida de uma pessoa? parece ser tão pouco, o livro realmente me instigou,não vejo a hora de ler

    ResponderExcluir
  10. Bom livros assim, que se desenvolvem como fosse um filme em nossas cabeças... Assim como você tive receio de ler esse livro, mas depois me arrependi por não ter lido antes, a premissa é perfeita.

    ResponderExcluir
  11. Oie
    essa capa está linda, muito legal a dica, gostei do gênero e da história, parece ser uma historia bem gostosa

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá Greice,

    Essa é a primeira resenha que leio dele e gostei do que li e já vou adicionar na minha lista de desejados, ótima dica.....bjs.


    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos