21 outubro 2016

9

O Guardião - Nicholas Sparks! [Resenha #323]



Julie perdeu o seu marido para uma doença triste. Ficou ao seu lado durante todo o processo de tratamento e mesmo assim não desistiu em nenhum momento. Ficaram casados por um período de quarto anos e após a perda dele ela se sentiu devastada. Foi ele quem a salvou do péssimo destino que ela teria. Sua mãe a mandou embora quando tinha dezessete anos por causa dos diversos namorados que a mãe arranjava e assim Julie não tinha para onde ir. Mas em um atendimento como garçonete Jim disse que se ela fosse morar na pequena cidade onde ele morava, ele lhe conseguiria um lugar para ficar e um emprego, sem nada em troca e foi assim que tudo começou: a amizade e depois o amor.

Após a perda de seu grande amor Jim ainda deixou um último presente: mandou entregar um filhote de cachorro para que sua esposa nunca se sentisse sozinha. Passo quatro anos de sua perda Singer, o cão enorme que se tornara ficava ao lado da dona o tempo todo e Julie já não imaginava mais como ele podia ter crescido tanto. Trabalhava como cabeleireira junto com a tia de Jim, morava em uma boa casa e vivia bem. Tinha Madie, Henry e Mike e Mabel como seus melhores amigos e até agora não tinha tentado se envolver com ninguém.

A questão era que Mike há algum tempo se apaixonou por Julie e mesmo sendo melhores amigos a respeitava de todas as formas. Julie não via Mike de outra forma senão como alguém que vivera entre ela e Jim e que agora sempre que ela precisava ele estava junto, mas mais do que isto nem passava por sua mente. 

Quando Julie resolve começar a conhecer outros homens aparece Richard, um homem simpático e que parece guardar segredos mas que ao mesmo tempo tenta agradar Julie de todas as formas que conhece. É novo na cidade e aos poucos parece que tenta domar Julie da forma que ele quer. 

Passado um tempo coisas estranhas começam a acontecer na vida de Julie e o que parece ser apenas algo simples vai se tornar em um pesadelo mortal.



Autor: Nicholas Sparks
Título Original: The Guardian
ISBN: 9788580416121
Páginas: 352
Ano: 2016
Gênero:  Ficção / Romance
Editora: Arqueiro






  


Certamente você pode já ter lido O Guardião com alguma outra capa, já que a editora Arqueiro publicou o livro em uma outra edição no ano de 2013 e agora está fazendo o relançamento com esta capa que achei super coerente com a história do livro.

Já com uma bagagem bastante grande sobre os livros de Nicholas Sparks posso dizer que ele tem uma característica grande em utilizar cenários belos como ambiente para os personagens e um deles é a praia. Como o autor mora na Carolina do Norte a maioria dos seus livros se passa em alguma cidade deste estado. Desta vez não é diferente já que a praia é bem utilizada no contexto todo e em uma cidade pequena, que é o que mais amo.

Quer fazer eu gostar muito de algo? É só ter algum animal de estimação. No caso de O Guardião, Singer foi um detalhe bastante querido. Um cachorro dinamarquês, que é gigante e praticamente fica do meu tamanho quando está em duas patas. O engraçado é a forma como Nicholas Sparks descreve ele. Um cachorro dócil mas que sente quando alguém quer prejudicar sua dona. Fica atento o tempo todo e é como se fosse um anjo da guarda. Eu sempre fico esperando os momentos em que vou ter que começar a chorar neste tipo de livro, mas as cenas com Singer são muito engraçadas.

O suspense que ronda a trama é angustiante. Muitas vezes eu ia terminar o capítulo e pensava em fechar o livro e não conseguia, tinha que continuar para ver o que ia acontecer e depois mais outro capítulo e assim quando vi a história tinha terminado. Já tinha lido uma história com este thriller de suspense em No Seu Olhar, também deste autor, mas como este livro ele escreveu primeiro acredito que ele tenha visto que foi uma fórmula de sucesso. 

Há aqueles momentos de pura tensão em que você tem medo de apagar a luz e fechar os olhos, mas também vai ter o romance natural que o autor sempre sabe como seguir. Afinal é até mesmo por isso que muitas vezes leio Nicholas Sparks, para acalmar o coração. Mas este livro faz as duas coisas, acalma e dá uma dose extra de adrenalina. 

Os personagens são bem estruturados e eu gosto pelo fato de que ficam na base entre os 25 anos de Julie e entre os 34 de Mike. Assim dá para dizer ao leitor que é um livro mais maduro com toda a questão de dúvidas e reflexões normais de todas as pessoas. Mike é uma pessoa super querida e atenta para todas as pessoas e me peguei dando várias risadas com os diálogos entre ele e o irmão que vivem armando pegadinhas entre si.

No mais é um livro bem rápido de ler pela temática. Não posso dizer que você não vai chorar porque vai ter todas as emoções em diversos capítulos. Foi um dos livros que mais gostei do autor e com certeza indico tanto pela forte emoção do medo quanto pelo romance e, claro, pela amizade entre os humanos e o gigante cachorro Singer.





9 comentários:

  1. Olá!
    Eu tenho a edição antiga e li faz uns dois ou três anos. Foi uma história que me agradou e o final me surpreendeu bastante.
    Sou suspeita para falar, pois sou fã de Nicholas Sparks e acho que mais uma vez ele arrasou.
    A história de Julie é totalmente cativante e emocionante.
    Beijos.

    Li
    Literalizando Sonhos

    ResponderExcluir
  2. Nossa, faz um tempo que não leio nada do Nicholas, e me parece que esse é uma ótima pedida para recomeçar as leituras de seus livros.
    Fiquei curiosa por causa do mistério e dessa insinuação de triangulo que tem na sinopse mas que não dá para entender se é isso mesmo ou não...
    E embora eu seja mais fã de gatos, saber que o cão não sofre é um bom motivo para não descartar o livro...rs
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  3. Greice eu simplesmente amei sua resenha você conseguiu transmitir tudo que sentiu ao léu o livro, sem liberar spoiler. Confesso que fiquei com vontade de ler. Minha mãe tem a edição mais antiga, quem sabe eu pegue emprestado com ela no início de 2017 pq para esse ano já estou sobrecarregada.
    Parabéns pela leitura e pela resenha que prendeu minha atenção e me deixou bem curiosa.
    Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Assim como você gosto muito de tramas que tragam algum animal de estimação, principalmente tendo um papel tão crucial quanto Singer na trama. Tenho certeza que irei adorar.
    Sou apaixonada pelos livros do Nicholas e como eles conseguem nos surpreender das mais diversas maneiras, nos fazendo passar por uma montanha russa de emoções.
    Estou com O guardião na lista de leituras e confesso estar ansiosa.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oie Greice!
    Vou chatear alguns amantes de Nicholas Sparks aqui, mas acho q devo falar... Eu não curto muito a escrita dele... Tenho 4 livros dele, já tentei ler 2 (A última música e Uma longa jornada)e não consigo terminar de ler, não consigo me prender à história. Vejo algumas resenhas, assim como a sua, que sempre retratam coisas boas sobre as obras mas eu não consigo ler.
    já o filme O diário de uma paixão já vi por diversas vezes!! Vai entender!! Acontece!
    Bjo

    ResponderExcluir
  6. Olá Greice eu li esse livro, mas não achei lá muito envolvente como eu gostaria. Mas admito que a capa está bem melhor assim. bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi, Greice
    Livros com animais também me conquistam muito.
    Adoro os livros do autor, mas infelizmente esse ainda não li. Adorei saber do suspense e que você aprovou. Os cenários que ele cria são sempre lindos.
    Espero não demorar para ler. Faz tempo que não leio um livro do tio Nick.

    ResponderExcluir
  8. Olá Greice,

    Esse livro está na minha lista de desejados, aliás alguns do autor....kkk...mas a cada resenha que leio fico mais curioso, gostei dessa capa tambéms...bjs.


    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi Greice !!!
    Eu já li alguns livros do autor,mas implico com a carga de sofrimento que ele insere em suas histórias,claro que não são todas iguais e algumas ainda me chamam atenção .Também amo quando os animais de estimação tem um papel importante na trama e só isso já me despertou a vontade de voltar ao universo dos livros do titio Nicholas e claro a ambientação dele é primorosa e preciso confessar que ele é o único autor que agrada mais em suas adaptações cinematográficas do que nos livros.

    mas por sua causa lindona,vou dar mais uma chance aos seus livros e me atracar com o Guardião.

    bjssss

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos