21 setembro 2016

1

Qualquer Outro Lugar - A. G. Howard! [Resenha #319]


Sinopse:  Alyssa está tentando entrar novamente no País das Maravilhas. Os portais para o reino se fecharam, não sem antes levarem sua mãe. Jeb e Morfeu estão presos em Qualquer Outro Lugar, reino em que intraterrenos expulsos do País das Maravilhas estão vivendo.
Para resgatá-los, ela precisa recorrer à ajuda de seu pai. Juntos, eles iniciam uma missão quase impossível para tentar resgatar entes queridos, restaurar o equilíbrio dos reinos e o lugar dela como Rainha.
Alyssa precisa lutar não só com a Rainha Vermelha, um espírito malicioso que tem a intenção de refazer o País das Maravilhas à própria imagem, mas também reconstruir seu relacionamento com Jeb, o mortal que ela ama, e Morfeu, o ser fantástico que também reivindica seu coração.
E, se todos tiverem sucesso e saírem vivos, eles poderão finalmente ter o felizes para sempre.



Autora: A. G. Howard
Título Original: Ensnared
ISBN: 9788581638300
Páginas: 416
Ano: 2016
Gênero:  Ficção / Fantasia
Editora: Novo Conceito





Este é o terceiro livro da saga O Lado Mais Sombrio e pode conter spoilers.

Difícil falar de uma obra reescrita, afinal gosto muito dos contos de fadas, da maneira que eles são. E quem já os leu sabe que é impossível não comparar. Alyssa destruiu os portões para o País das Maravilhas e agora precisa reabri-los para salvar a mãe, Jeb, Morfeu e todos o seres intraterrenos que ficaram presos.

Com a carta na manga, que são as memórias esquecidas da vermelha, ela vai retornar para vencê-la e se tornar a rainha que deveria ser. No entanto nada é tão simples, tudo está modificado e todos tem raiva pelo que ela fez. Salvar as pessoas que ama, será perigoso e complicado.

Admito que a Alyssa, continua irritante nesse volume, suas indecisões deixam as pessoas cansadas. Afinal por que é tudo tão complicado, escolhe um e deu. (risos). Desculpa, mas sei que se ela não fosse assim, realmente não haveria tanto pano pra manga. Jeb se transformou ao cai em Qualquer Outro Lugar, agora suas pinturas ganham vida, mesmo que com uma condição. Sua vida corre sérios riscos se descobrirem o que ele pode dar ao inimigo. Então nossos concorrentes ao coração dela, Jeb e Morfeu, estão unidos pelo bem comum, salvar Alyssa e o País das Maravilhas.

Admito que admirei ela quando ela pensou ter perdido alguém muito importante. E também ao conseguir fazer tudo que se propôs, mas seu amadurecimento só ocorreu nas últimas páginas, onde ela tomou decisões com coesão e certas sobre o que seria o certo. Não nego, foi incrível. Uma aventura por lugares inimagináveis, cenários hilários e assustadores, lutas e brigas que fazem parte do pacote. E promessas que não podem ser rompidas.

Morfeu foi um dos meus personagens preferidos, ele foi ele, do início ao fim. Para os leitores que curtem uma fantasia, com romance e muita ação, recomendo a leitura. Adentrar esses volumes nos leva a outra dimensão. 


Esta resenha foi escrita pela colunista do blog e
blogueira do A Magia Real



Um comentário:

  1. Oieee,

    Obrigada pelo espaço é sempre um prazer estar por aqui, me sinto tão importante. <3

    Beijos.
    http://amagiareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos