23 março 2016

22

172 Horas na Lua - Johan Harstad! [ Resenha #287 ]


A história conta que em 1969 o homem pousou pela primeira vez na Lua. Tem pegadas, uma bandeira dos Estados Unidos e talvez até a bota de um dos astronautas tenha ficado por lá. Mas para a Nasa, naquele momento mais coisas aconteceram e por este mesmo motivo aquela bota teve que ser deixada na Lua.

Depois de alguns anos uma nova expedição foi enviada para colocar uma base para que próximos projetos fossem feitos. A verdade é que a base Darlah 2 foi construída na década de 70 por astronautas que operavam robôs de longe e nunca ninguém entrou lá. Mas agora que o ano é 2018 a Nasa precisa colocar novos astronautas na superfície da Lua e para que toda a operação seja aceita a ideia de levar junto três adolescentes com idades entre 14 e 18 anos vai tornar tudo isto possível.

Mia tem 16 anos e é da Noruega. Tem uma banda só de meninas onde é a vocalista e sua vontade é de viver somente da música, apesar de saber que ainda não estão nem perto de serem famosas ou ter algum tipo de sucesso. Midori também tem 16 anos e vive no Japão. Seu estilo é totalmente diferente e seu maior sonho é se mudar para os Estados Unidos e nunca mais voltar para aquele país em que ela acredita não ter lugar para viver a realidade de sua criatividade. Antoine é francês, tem 17 anos e há pouco tempo a sua primeira namorada terminou o relacionamento para poder ficar com um homem mais "maduro". Desta forma cada um deles resolveu por algum motivo se inscrever no concurso que os levaria à Lua e pela grande sorte foram os escolhidos.

Os três adolescentes agora passariam três meses nos Estados Unidos sob forte treinamento para que a viagem e a estadia de duas semanas não se torne uma tragédia. O estranho é que cada um antes de partir teve um encontro com um estranho em que lhe diziam para que não cumprissem com o acordado e não seguissem a viagem para o bem de cada um.

Com todos prontos e mais cinco ocupantes, eles iniciaram uma viagem que após este tempo os transformaria em pessoas mais do que famosas e consequentemente ricas. O grande porém é que ao chegar ao local da Darlah 2 na Lua parecia que coisas estranhas estavam acontecendo, já que era tudo muito antigo.

O que ninguém esperava é que pessoas começassem a se machucar e a morrer do nada, sem razão. Eles estavam cercados por algo que nunca viram. Um vilão que não estava junto da nave e que somente a Nasa poderia ter algum conhecimento. Mas agora estão todos à mercê em um lugar isolado e somente a sorte vai fazer com que alguém sobreviva.





Autor: Johan Harstad
Título Original: 172 hours on the moon
ISBN: 9788581637099
Páginas: 288
Ano: 2015
Gênero:  Ficção /  Mistério / Suspense
Editora: Novo Conceito







 

No ano passado, 2015, a editora Novo Conceito lançou ótimos livros de ação, distopia e suspense. Posso citar dos que li e que recomendo a leitura A Desconhecida, Todos Os Nossos Ontens e Fragmentados. E agora posso recomendar também 172 Horas na Lua que de uma forma entrou para a lista de livros que eu recomendo no gênero de suspense. 

Eu demorei um pouco para ler esta obra, um pouco esperando ver outras opiniões e também porque tinha outras obras que a gente sempre acaba colocando na frente e quando decidi a entrar na narrativa do autor Johan Harstad fiquei feliz de ter optado por aquela leitura no momento certo: o momento em que um livro de suspense não deixa o leitor desanimar da obra!

A capa nacional já dá uma sensação de medo se você olhar com bastante cuidado e aí vai perceber algumas dicas ali mesmo do que pode vir a acontecer em alguns momentos da trama. O melhor de tudo é que talvez neste momento você vai estar pensando em diversas coisas como: será que é sobre alienígenas, será que é sobre outas pessoas na nave, será que são uns que armam contra os outros? Pois é, a verdade é que o suspense é tão bem montado que a ideia que o autor colocou teve uma criatividade gigantesca que até eu fiquei pensando se de certa forma aquilo existiria de verdade ou não e me deu muito medo. 

O livro todo é muito bem montado. O legal é que a cada capítulo tem imagens que vão mostrando o que está acontecendo, seja partes das cidades, seja partes da Lua, seja como é a base na Lua e tudo o mais. Tem momentos em que realmente é necessário este cenário mais fotográfico para que o leitor consiga se encaixar corretamente na narrativa, que em momentos é bem detalhista, afinal seria chato você ver ele estruturando tudo sobre uma base e não ter ideia de como ela é desenhada.

Não tem momento enjoativo. São capítulos rápidos que vão mudando com os personagens e com as pessoas que ficaram na Terra. E o final? Bom, o final foi algo que eu pensei ter imaginado de uma forma e quando cheguei a pensar que poderia ser desta forma, ele muda completamente. Mas não desperdiçou a boa ideia e realmente fez o final que, para quem lê muitos livros deste gênero, depois de imaginar uma coisa, vai descobrir a verdade.

Adorei o livro por ser mais adolescente e mesmo assim uma aventura rápida de ler e de não fazer dormir. É obra de um autor norueguês e fiquei feliz por ele ter escolhido falar um pouco sobre os países dos adolescentes escolhidos. Espero que se houver mais obras dele, que a editora opte por publicar aqui no Brasil.






22 comentários:

  1. Oi Greice, tudo bem?
    No começo esse livro não despertou muito a minha curiosidade, mas agora comecei a ler algumas resenhas e fiquei mais interessada em ler sim. Que bom saber que você adorou o livro. Não sabia que era obra de um autor norueguês, que legal! Espero mesmo ter a oportunidade de conhecer esse enredo.
    beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Oi Greice,

    Esse livro é muito bom. Eu adoro distopia, ficção cientifica, então foi uma leitura muito boa. Eu fiquei extasiada a todo momento, sempre querendo mais e mais e mais saber o final da história. É com certeza um dos melhores livros que eu li ano passado e SIM só essa capa da medo. Parabéns pela sua resenha! :)

    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Oi Greice, tudo bem?
    Assim que 172 horas na lua foi lançado, eu confesso que não me interessei por ele, pois imaginava que o foco da história fosse nessa coisa da viagem espacial, mas agora que li que o livro tem um bom suspense e que causa até um certo medo fiquei bem interessada por ele, já que adoro um bom terror/suspense/mistério.
    Espero ler em breve e gostar bastante dessa leitura.


    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  4. Greice lindona a temática em si não me chama atenção por ser em naves, planetas. não adianta já tentei ler mas não me conquista. Por esse motivo pessoal dessa vez deixo passar a dica, mas fico feliz que tenha gostado e curtido a leitura. pelo visto a aventura te conquistou. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  5. Olá.

    Eu já ouvi falar desse livro, mas pensei que era de terror, então fiquei receosa em embarcar na leitura. No entanto, lendo sua resenha, fiquei bastante curiosa na história e já quero ler, visto que eu gosto muito de livro que rola suspense. Ainda mais que ainda tem ficção no meio, aí que a história fica maravilhosa.
    Gostei bastante da sua resenha.
    Beijos!
    http://www.anebee.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá Greice,
    A temática desse livro me agrada muito, achei a ideia muito legal. Gostei de saber que é uma leitura rápida e fluída. É bacana quando um livro não nos dá sono, pois existem muitos livros que fazem isso.
    Confesso que sua resenha me deixou muito curiosa para ler e conferir o final, pois deve ser muito bacana.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu acho a capa desse livro no mínimo perturbadora. Mas o plot é fantástico, adorei. Não sou muito fã de histórias com adolescentes mas a premissa desse livro me atraiu demais.

    ;D
    Profissão: Leitora

    ResponderExcluir
  8. Oi,
    que bom ler tua opinião sobre o livro! Estou com ele no Kindle para ler desde o dia que lançou em ebook, mas fico protelando, acho que pelo mesmo motivo que tu, ler outras opiniões, mas agora vou parar de enrolar e lê-lo, tua resenha me deixou bem curiosa! Só espero que não sejam os adolescentes as pessoas que morrem...hehe

    bjs

    ResponderExcluir
  9. Oi Greice, eu li o livro esses tempos atrás e me apaixonei, eu adoro esse tipo de livro mais voltado para o suspense e confesso que a trama dele bem diferente me cativou demais. Também espero que se ele tiver mais livros, que a editora traga para cá!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  10. Oiii!

    Acredito que você fez uma boa em aguardar um pouco para ler pois foi bem proveitosa né?
    Eu não sou de distopia então, eu não me sinto muito à vontade para ler a obra.
    A capa é bonita e estranha HAHAHA não curto muito.
    Fiquei feliz em saber que os capítulos são curtos, isso da um pique a mais a continuar a leitura.

    A resenha está muito bem escrita, parabéns!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  11. Confesso que tenho MUITO medo desse livro. Ler eu não leria, mas ainda quero encontrar alguém próximo que leu para me contar o que é essa coisa misteriosa que faz as pessoas morrerem, mas sem me dar muitos detalhes pra eu não ter pesadelos... rs... Sim, eu tenho medo da capa, e não percebo nenhuma dica nela, e olha que voltei lá no início e fiquei olhando um tempo... hahaha... Que bom que gostou, e que foi surpreendida pelo final.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  12. Olá

    Tô com vontade de ler esse livro desde da época que foi lançado,mas ainda não deu certo, gosto de livros do gênero, a premissa está bem interessante, a única coisa que não curto tanto é ter vários personagens narrando, mas mesmo assim minha vontade de ler não diminuiu muito pelo contrário.

    Bjss

    ResponderExcluir
  13. Amiga eu sinceramente não tive muito interesse em ler esse livro que até dei para minha colaboradora que leu e até gostou da estória. Achou toda trama bastante interessante e os mistérios que ele trazia muito bons, mas eu sinceramente não me senti assim atraida para ler não. Mas mesmo assim me parece ser um bom livro para quem realmente gosta desse gênero. Espero que a galera leia, porque só tenho visto ótimas resenhas sobre ele, ao contrário de mim que eu acho que não leria por agora não rs

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/03/conto-pode-parecer-impossivel-2.html

    ResponderExcluir
  14. Eu tenho esse livro e nunca li... Agora não consigo parar de me perguntar porque. Curto o gênero e sem sombra de dúvida sua resenha retrata uma enredo instigante. Gente, já fiquei com vontade de correr pra ler, mas infelizmente ainda estou me organizando pra colocar em dia as leituras de parcerias, vou terminar tudo e pegar esse com certeza, valeu pela dica.

    Abçs
    Sou bibliófila

    ResponderExcluir
  15. Adorei sua resenha! Já li muitos comentários positivos sobre o livro, mas sua resenha me encantou tanto que vejo que pode ser uma leitura bem proveitosa para mim também, pois adoro suspense, e esse parece ter sido muito bem construído, e também a ambientação. Quero ler!
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Oi Linda
    Não curto muito livros de ficção científica e confesso que esse livro não me atraiu.
    Mas que bom que você curtiu tanto! Adoro histórias rápida, com um enredo de tirar o fôlego e um desfecho surpreendente. Nem sempre é como queremos, mas que bom que valeu!
    Adorei sua resenha.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  17. Oi!
    Eu não li esse livro, mas vi vários amigos que leram, acharam completamente parado até nas ultimas 60 páginas onde tudo acontece e o livro acaba ganhando no final.
    Confesso que não sei se leria, principalmente por esse comentários de pessoas que possuem o mesmo gosto que eu, e também por ser mais adolescentes.

    www.gordinhaassumida.com.br

    ResponderExcluir
  18. Realmente a capa é perturbadora, eu gostei da premissa do livro, ainda não conhecia mas adoro ficção científica, e pela sua resenha positiva sei que vou gostar do.livro! Já add a minha lista de leitura!

    ResponderExcluir
  19. Oi!!
    Essa trama não me envolveu, eu particularmente me mantenho afastada de livros com essa temática, isso de viagem a Lua eu acabo sempre torcendo o nariz.
    Mas achei legal o livro ter uma pegada mais adolescente e imagino que os personagens são bem construídos e cativantes.
    A capa é realmente de dar medo.
    Beijão!
    Lilica - O maravilhoso mundo da leitura

    ResponderExcluir
  20. Oi Greice, tudo bem ???
    Tive a chance de ler 172 Horas na Lua no ano passado, e apesar de não ter sido uma grande decepção, não posso negar que esperava muito mais dessa história.
    Achei a história toda muito simples, já utilizada, reutilizada, modificada e revirada por vários autores e filmes ao redor do mundo, senti que o autor apenas inseriu alguns detalhes a mais em uma fórmula já conhecida ...
    No início de minha leitura ainda tinha esperanças com relação aos rumos da narrativa, mas uma vez na Lua, soube o que iria me esperar e qual seria o final. Mas no que a história me decepcionou, a edição da Novo Conceito me encheu os olhos !!! Uma das melhores edições que eu já tive a chance de ver !!! ^^

    Beijinhos
    Hear the Bells

    ResponderExcluir
  21. Oi Amiga,
    Agora fiquei em cima do muro, li umas resenhas de pessoas que não gostaram e agora leio a sua que gostou e bem, sempre que me recomenda algo eu curto tanto. Que vou ler esse livro pra tirar minhas próprias conclusões. Descobri que leio super rápido livros com capítulos curtos, acho que terei de fazer uma seleção na minha estante kkk.


    Beijos
    http://amagiareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Eu adorei esse livro. É um dos melhores que li no ano passado.

    Sou fã dos livros de suspense e dos policiais. E o final desse livro me deixou de cabelo em pé. Haha

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos