30 outubro 2015

3

Empreender Ousadia ou Loucura? - Odilo Pedro Marion! Resenha #263



Odilo nasceu na cidade de Segredo, no Rio Grande do Sul, no ano de 1945. Desde cedo via o pai trabalhar na agricultura e a mãe a cuidar de casa e de seus irmãos. Sempre estava em alguma aventura com coisas que aprendia ao ver outras praticando, seja construindo seus próprios brinquedos ou em brincadeiras com seus amigos.

A verdade é que seu maior amor e sonho sempre fora o estudo. A vida de antigamente nem sempre permitia a facilidade de estudar e desta forma o menino foi se aperfeiçoando aos poucos como conseguia, sempre tendo em vista que sua família fazia o melhor para seus filhos. 

Aos poucos, Odilo foi conhecendo também a área da mecânica, já que precisava trabalhar e ter uma profissão. Ajudou muitas pessoas e foi conquistando um espaço importante, já que precisava trabalhar, estudar e ter conhecimentos diversos.

Na fase adulta, após o exército, conheceu sua esposa e a profissão de taxista. Também começou a se dedicar aos estudos universitários. Aos poucos ia percebendo o seu desejo de empreendedor e fazendo de sua batalha diária uma lição para muitos.

Não obstante a dedicação após o término de seus estudos, dedicou-se a carreira de professor universitário, sendo muito querido por seus alunos ao longo de sua jornada. Mas a verdade é que estava na agricultura o que mais visava: poder levar todo seu conhecimento até a fabricação de máquinas úteis e criativas para que os plantios fossem cada vez mais facilitados.

E assim a veia empreendedora tornou-se um foco. A Agrimec é hoje uma grande empresa especializada em produtos agrícolas, que nasceu da vontade e do sonho de um homem que moldou sua trajetória com muitos desafios e batalhas.


Autor: Odilo Pedro Marion
Título Original: Empreender Ousadia ou Loucura?
Páginas: 304
Ano: 2011
Gênero:  Biografia / Não-Ficção
Editora: Auto Publicação








É de todo verídico que gosto de ler biografias. O que me impulsiona em muitas das biografias que leio é o poder que as palavras tem de mudar os pensamentos que o leitor está construindo no momento sobre algo em sua vida. Dá para avaliar um livro como uma questão de auto ajuda? Diria que sim.



Quando meu pai chegou com o livro de Odilo Pedro Marion já fiquei feliz somente pelo fato de ser um livro, afinal, qual viciado não admira a visão de ter em mãos aquelas folhas branquinhas, as fotos, toda instrumentalização devotada em palavras? Assim que abri pude verificar que se tratava de uma biografia diferente das que já tinha lido em si e mais ainda, era de alguém que se dedicava à terra da mesma forma que me dedico ao amor aos livros.


Os capítulos são bem curtos e contados de uma forma bem espontânea, o que gera ao leitor uma vivência mais fiel à realidade do autor, que nos conduz de uma forma bem variada em todos os momentos de sua vida, da infância até a fase em que pode colher as odes de todas estas batalhas descritas em palavras. 

Quando se trata de uma biografia, gosto que ela venha detalhada de momentos e ilustrações e neste caso, não faltou fotografias que me levasse àquela mesma época ou que me fizesse reviver a história que estava sendo narrada de fato. Seja pela demonstração de uma família ou pelas histórias cotidianas, o livro é bem ilustrado e se encaixa perfeitamente no cenário retratado.



Muitos vão ficar pensando como uma biografia poderia ter o nome de Empreender, Ousadia ou Loucura. A verdade é que desde criança as atitudes, decisões e revelações feitas pelo autor demonstram que o caráter e o amor por aquilo que se faz é levado em consideração àquilo que colhemos no futuro. E é por isso que podemos levar como um papel de grandes lições.

Histórias de amor, dificuldade e caminhos traçados emocionam de diversas formas. Uma leitura que vai mostrar uma vida sim, mas também vai dialogar com cada mente sobre o certo e o errado para quem deseja seguir uma trilha de sucesso e perseverança.






3 comentários:

  1. Olá,
    Gostei da resenha, não sabia que era uma biografia pois o titul realmente não denuncia. Parece interessante, talvez leria.
    Leitura Fora De Série

    ResponderExcluir
  2. Oi, Greice, tudo bem?

    Eu não gosto de ler biografias, mas confesso que essa realmente tem um diferencial. Sempre acho bacana quando uma pessoa resolve contar sua história de um jeito que sirva de inspiração para outras pessoas! Isso é admirável.

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
  3. Oi Greice, tudo bem ???
    Simplesmente adorei sua resenha, nela você destacou diversas características, sensações e sentimentos que sempre me fizeram amar biografias !!! Sou apaixonada por esse gênero literário, adoro conhecer a história e a jornada de outras pessoas, podemos encontrar bons exemplos em tantas histórias, e inspirações em tantas jornadas, que é impossível não amar livros como esse !!!
    Confesso que não conhecia a história do Odilo, mas me encantei. Não sei se conseguirei ler o livro, mas se tiver a oportunidade, tentarei ler com certeza !!!

    Beijinhos
    Hear the Bells

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos