04 agosto 2015

6

Dez Coisas que Aprendi sobre o Amor!

Quando o seu coração acelera, quando ele fica apertado, quando o seu estômago parece borbulhar, suas mãos tremem ou seu sorriso parece sem fim o que você imagina que seja?

Quantas vezes na sua vida você já escreveu cartas, recados ou apenas imaginou uma pessoa que estaria do seu lado para pegar a sua mão ou apenas andar ao seu lado e ouvir a sua história de como você ama olhar as nuvens ou as estrelas?

O amor não é somente aquele que se dá ou se divide com quem você se apaixona. É aquele que se tem com amigos, familiares, animais, natureza. É o sentimento que, quando verdadeiro, nos faz felizes.


Por quase 30 anos, quando a brisa de Londres torna-se mais quente, Daniel caminha pelas margens do Tâmisa e senta-se em um banco. Entre as mãos, tem uma folha de papel e um envelope em que escreve apenas um nome, sempre o mesmo. Ele lista também algumas coisas: os desejos e o que gostaria de falar para sua filha, que ele nunca conheceu. 

Alice tem 30 anos e sente-se mais feliz longe de casa, sob um céu estrelado, rodeada pela imensidão do horizonte, em vez de segura entre quatro paredes. Londres está cheia de memórias de sua mãe que se fora muito cedo, deixando-a com uma família que ela não parece fazer parte. Agora, Alice está de volta porque seu pai está morrendo. Ela só pode dar-lhe um último adeus.

 Alice e Daniel parecem não ter nada em comum, exceto o amor pelas estrelas, cores e mirtilos. Mas, acima de tudo, o hábito de fazer listas de dez coisas que os tornam tristes ou felizes. O amor está em todas as partes desta história. Suas consequências também. Sejam boas ou más. Até que ponto uma mentira pode ser melhor do que a verdade?


Impressões:

Este é o livro de estreia da autora Sarah Butler pela editora Novo Conceito que tem como prioridade mostrar a relação de amor entre pessoas que tiveram perdas grandes na vida e que vivem na solidão.

Como a Novo Conceito nos enviou uma prova da história, deu para perceber que a história é algo que prende a atenção pelo teor do drama e o envolvimento dos personagens. As páginas lidas contém a vida de personagens que em algum momento sofreu com a perda de algo ou alguém que significou muito e que precisa conviver com isso. Mas esta é a grande esperança que vai montando a trama sendo que mesmo que a dor esteja guardada em algum lugar no peito, sabe-se que a esperança nunca morre.

E é com listas que as lembranças são guardadas. O texto é cheio de momentos cativantes e de doses ora melancólicas, ora inspiradoras e ouso dizer que é aquele tipo de livro que terminamos de ler e colocamos metas para rever atitudes que cometemos e que se deseja refazer.

Dez Coisas que Aprendi sobre o Amor vai chegar até você em setembro e até lá já pode montar uma lista com coisas sobre o amor:

O amor constrói momentos eternos
O amor une pessoas de diferentes países, línguas e crenças
O amor pode machucar mas também cura muitas dores
O amor derruba muros e termina guerras
O amor faz milagres
O amor nos faz acreditar que cada dia é possível ir mais longe
O amor é doce, salgado, apimentado; tem diversos sabores.
O amor tem a cor de todas as estações
O amor transcende gerações e gera histórias.


Se deseja saber mais sobre o livro, pode conhecer no Skoob.

O melhor do amor é amar!


6 comentários:

  1. Oi Gre,
    Gostei muito das suas primeiras impressões e da sua lista, perfeita e real como eu também acredito. Poderíamos até dizer que O amor somente o tempo cura. Te admiro amiga e saiba que vamos comer comida japonesa juntas. =D...shauhsua

    Beijos de quem te adora...Elis

    http://amagiareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá Greice,

    Logo mais iniciarei a leitura dos primeiros capítulos desse livro, estou bem curioso e pela sua resenha acho que vou gostar bastante....bjs.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Greice, tudo bem?
    Eu ainda não tinha visto esse livro.
    Parece ter uma história bem legal sobre o amor e suas diferenças.
    Adorei sua lista do final.
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Greice.
    Gosto muito dessa inciativa da editora. Assim já ficamos com vontade de ler o livro bem antes do lançamento hehe. Gostei bastante da proposta do livro e vou ler com certeza.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Eu não recebi estas primeira impressões, não sei porque, acho que esqueceram de mim, mas assim que a caixa chegar, vou correr a ler logo, adoro este gênero!!!

    Bj, Van - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Van, tem que ver porque estas impressões chegaram por e-mail e tem que fazer a resenha para chegar o livro também!

      Excluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos