12 junho 2015

16

A Morte de Sarai - J.A. Redmerski! Resenha #239! Editora Suma de Letras


Sarai foi obrigada a ir embora com sua mãe para o México quando tinha 13 anos de idade. Gostava de viver no Texas, gostava de sua escola e de suas poucas amigas. Sabia que sua mãe tinha vários namorados e já tinha se acostumado com a troca constante. Mas Javier parecia que era o mais duradouro por mais que fosse agressivo e fosse traficante. Agora elas estavam partindo de país e sequer Sarai sabia o lugar onde elas ficariam.

Sua mãe não durou muito tempo depois que chegou àquele lugar imundo. Após isso quem começou a compartilhar a cama de Javier não tinha como ser outra pessoa além de Sarai. Fugir daquele inferno era impossível e um labirinto gigante. Sabia que precisava aguentar aquilo para sobreviver já que via constantemente outras iguais a ela sofrendo com surras, estupros e torturas. Ela precisava esperar para sair daquele lugar. Sabia que o dia chegaria.

Victor é um assassino profissional que não tem família e não tem nenhum tipo de ligação com pessoas. Está neste mercado há muito tempo e recebeu uma missão que para ele é bastante fácil. Entrar, negociar e matar. O que ele não contava porém, é que teria que sair com um pacote desconhecido que logo se tornaria um problema ao qual não estava acostumado a lidar.

Sarai conseguiu se infiltrar no carro de um homem chamado Victor e agora precisa dele para se esconder. O que ela também não imagina é que para ele Sarai não é ninguém importante. Aos poucos a convivência entre eles vai se tornar uma luta constante e logo Javier vai estar atrás de sua "propriedade". Será matar ou morrer e talvez por um pequeno segundo Victor perceba que pode fazer uma diferença na vida de Sarai.

Mas talvez este pequeno segundo também seja o suficiente para transformar sarai em alguém muito diferente do que todos imaginavam.


Autora: J.A. Redmerski
Título Original: Killing Sarai
ISBN: 9788581052571
Páginas: 255
Ano: 2015
Gênero: Ficção / Drama
Editora: Suma de Letras






 


Se você já leu os livros Entre o Agora e o Nunca ou Entre Agora e o Sempre talvez vá apoiar a minha afirmação de que a autora sabe escrever boas histórias. Na verdade os dois livros que citei são bem mais voltados para um romance dramático, o que é um pouco diferente do que temos em A Morte de Sarai.

Se você analisar a segunda capa que coloquei acima, logicamente publicadas em outro país, vou dizer para você que está totalmente coerente com a personagem. Já vou falar mais de Sarai, mas antes preciso falar da história que parece ser só mais uma sobre reféns e heróis mas é muito mais do que isso, é sobre bandidos e almas assassinas. E não falo de almas no sentido sobrenatural, mas no sentido de que só é necessário pouco para acender o pavio da morte.

Quando li a sinopse pensei que tudo seria como um cativeiro e que Sarai seria a menina que passou anos sendo a garota sofrida, mas que ajudava de alguma forma no lugar até fazer amizade com alguém lá de dentro e assim se desenrolaria de alguma forma. Comecei a leitura de forma meio cética e quando vi dei de cara com algo bastante diferente.

O livro é dividido entre a narrativa de Sarai e a de Victor, o assassino de aluguel que trabalha para uma organização especial. Victor é um homem decidido e com muita experiência, já que foi levado para esta empresa desde os 8 anos de idade.

Agora sim preciso falar sobre Sarai. De início imagino alguém meio confusa, cheia de traumas e medos. Não há como se enganar. Sarai tem seus medos sim, já que vive há longos anos como amante de um traficante, mas não é o que deseja para sua vida e sabe que para manter-se sã precisa fugir de onde está. E quando a oportunidade chega ela precisa ser fria. Mas sarai é um misto de sentimentos e é isto que engrandece a obra. É uma confusão mental que deixa o leitor atento a todos os seus passos já que nunca se sabe qual o caminho que ela irá tomar. Vingança? Sede de Poder? Dinheiro? Nunca se sabe ao certo o que Sarai quer e o que Victor planeja ao se deparar com ela.

Como este é o primeiro livro da série, a vida de Sarai vai sendo explorada e diga-se que a personagem parece mais um alvo a ser descartado do que algo que pode ser valioso. Mas o livro tem um potencial gigantesco e não deixa nada a desejar. 

A Morte de Sarai é dinâmico e eficiente e quando você descobrir o motivo deste título, vai desejar logo que a editora lance a sequência, da mesma forma que eu estou ansiosa para ler.




16 comentários:

  1. Ameeeei o post, beijos <3

    http://blogbaudefeminices.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Greice! Eu adorei este livro, ainda não li os demais da autora, mas se forem tão bem escritos assim vou gostar com certeza, Sarai foi uma surpresa atrás da outra, eu também pensei que seria algo restrito aos cativeiro e a fuga, nem de longe imaginei tantas reviravoltas, e aquele final veio para coroar, espero ansiosa pela sequencia.
    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cida. E eu vi que o terceiro já tem capa e nome... Uhuuuuuuuuuuuu!

      Excluir
  3. Oi Greice,
    Esse livro parece ter uma grande carga emocional, de início, não sei se leria no momento.
    Fiquei bem curiosa e mais curiosa em saber o porquê da continuação, essa menina não vai sofrer mais não, né? Tadinha!

    Achei a capa com fundo branco lindíssima!

    Ótima resenha =D

    bjs e tenha um ótimo domingo
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, pelo livro acho que ela não vai mais sofrer, muito pelo contrário....

      Excluir
  4. Oi Greice!
    Eu li os 3 livros da autora publicados aqui no Brasil e A Morte de Sarai me surpreendeu por ser totalmente diferente dos outros dois. Eu amei esse livro e não vejo a hora de ler a continuação!

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Retorno de Izabel é melhor ainda! É muitooo bom!

      Excluir
  5. OI, como está?
    Adorei seu blog e gostaria de te fazer um convite, estamos com um novo projeto, se chama "Turbonauta", lá reunimos os melhores blogs da atualidade e o seu sereia muito bem vindo, se aceitar é só nos fazer uma visita, lá você poderá divulgar seus links diariamente, sem custos, sem cadastro e de forma super simples, esperamos sua visita, até mais!
    http://turbonauta.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oii...
    Eu ainda não li esse livro, porém achei a história bem interessante.
    Muito chamativo o enredo.
    Boa semana.
    Beijinhos ;**

    Leitora Online

    Facebook | Instagram | Twitter

    ResponderExcluir
  7. Oi Greice, sua linda, tudo bem?
    Quando o livro foi lançado eu pensei que a história seria pesada demais para eu ler. Mas tenho lido resenhas que só elogiam o livro como a sua e me convenceram a dar uma oportunidade. Eu nem quero imaginar o que ela passou, por todos esses anos. Deve ter sido horrível, ainda bem que ela conseguiu fugir.
    Sua resenha ficou ótima!!!!!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Greice,
    Li Entre o Agora e o Nunca ano passado e realmente a autora consegue criar uma história envolvente. Lembro que só me senti incomodada com o fato de ter muitos palavrões, mas fora isso gostei do livro.
    Esse parece ser bem diferente em termos de enredo. A leitura parece ser intensa pelos desafios que a protagonista tem que enfrentar... Por ser uma série, vou esperar o lançamento dos próximos, mas vou ficar de olho nesse!

    Ps. A capa tinha me repelido, mas agora que li sua resenha gostei!
    Beijos,

    http://versosenotas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bárbara, eu sei sobre os palavrões porque me senti incomodada com isso também quando li, mas este não é assim.

      Excluir
  9. Como eu gostaria de ler mais...suas indicações são muito boas.

    Bjim...
    blog Usei Hoje

    ResponderExcluir
  10. Greiiiiiiiiiiice.....pode colocar na minha lista de livros a me emprestar...kkkk....uau fiquei sem folego lendo suas palavras, fiquei imaginando tudo que ela passou e o que ainda vai passar. Beijos Elis!!!

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos