29 março 2014

3

O Fogo - James Patterson! Saga Bruxos e Bruxas! Dica de Livro #66!


E Whit e Whisty estão de volta nesta aventura. Porém agora estão encrencados além do pescoço, pois Whisty resolveu colocar sua M ( lembram que a palavra magia não pode mais ser utilizada em nenhum lugar, juntamente com tudo que foi banido: livros, música e qualquer tipo de diversão ), para ajudar as vítimas da chamada "Peste do Sangue". Whisty não conseguir ficar imune a uma doença tão cruel que atinge toda a população e seu irmão tenta correr contra o tempo para salvá-la.

Pior que isso é que agora os que são a favor a toda essa loucura do O Único, estão queimando pessoas vivas em praças públicas, fazendo voltar ao tempo da caça às bruxas, imaginando que qualquer pessoa que seja um pouco diferente possa ter poderes, mesmo sendo inocente.

Mas por mais que o caos esteja tomando conta de tudo, ainda existem pessoas boas que desejam ajudar os irmãos bruxos. Na fuga deles, conheceram uma boa família que o abrigaram até que Whisty conseguisse começar a melhorar e pudessem assim iniciar um novo plano.

O problema é que agora precisavam se afastar. Whisty deverá ir ao encontro do Único e confrontá-lo enquanto seu irmão precisa ir para a Terra das Sombras resgatar os amigos da Resistência e encontrar seus pais que foram jogados lá e estão tentando atravessar a grande ponte.

Mas todo mundo sabe que até agora a união de ambos sempre os salvou e que separar um do outro pode levá-los à morte. Além disto o Único também tem mais poderosos ao seu lado e continuar lutando contra o sistema pode ser um erro.

Mas por Célia, pelos amigos da Resistência, pelos que foram mortos na Peste do Sangue e por todos os que resistem, eles tentarão até o fim.


Autora: James Patterson e Jill Dembowski
Título Original: The Fire
ISBN: 9788581633855
Páginas: 272
Ano: 2014
Gênero: Ficção / Distopia
Editora: Novo Conceito








Esta versão acima é uma das capas lançadas para a saga. Ah, confesso que eu gostei bastante apesar de as capas nacionais também serem legais e terem uns efeitos diferentes.

Para ser sincera na minha opinião o segundo livro da saga, O Dom, tinha sido somente uma enrolação da continuidade de Bruxos e Bruxas e não condizia com a realidade de ação e comprometimento de James Patterson com a história em si. Fiquei imaginando se toda a saga seria assim e fiquei feliz em constatar que não. Acredito muito que James Patterson não complete todos os seus livros e por isso que sempre coloca um segundo autor porque percebi claramente a diferença na escrita do segundo para o terceiro livro. O Terceiro é muito diferente. Tem mais ação, mais emoção e suspense e prende muito mais.

O Fogo consegue retomar a ansiedade do leitor desde o lançamento de Bruxos e Bruxas, não deixando nenhum gostinho de desânimo ou de tédio. Cada capítulo tem novos personagens e novas aventuras e coloca ligações com personagens antigos, o que o segundo não trouxe de muito bom.

Neste livro o irmão começa a ter mais espaço do que a irmã e mostra uma personalidade da qual eu estava com bastante saudades.
Eu tinha perdido as esperanças de ler a saga e continuar feliz, mas O Fogo fez eu suspirar novamente por ela.

Quando cheguei ao final imaginei que terminaria ali porque dá a entender que sim, mas pelo que pesquisei ainda tem um quarto livro denominado The Kiss que ainda não tem previsão de lançamento pela Novo Conceito, mas acredito que seja breve já que a editora está lançando todos bem rapidamente. 

Fiquei mais feliz ainda porque assim vai haver uma conclusão muito melhor, com tudo acontecendo com mais tranquilidade.
Apesar de os livros serem rápidos e curtos, dá para ter uma emoção e um divertimento.

Vou sentir saudades!






3 comentários:

  1. Olá Greice, fico muito contente em saber que O Fogo está bem diferente de O Dom. Quando li Bruxos e Bruxas, ao contrário do que muitos falavam, gostei da história, tanto que li o livro em dois dias. Com O Dom, tive uma enorme frustração, assim como você, achei o livro uma completa enrolação que levavam os fatos de um lugar para, lugar algum. Fico feliz em saber através da sua resenha que O Fogo não tem a mesma linha de narração que O Dom.
    Espero realmente gostar desse livro. Não gosto de abandonar séries ou livros pela metade.

    Bjim!!!

    Tammy - Livreando

    ResponderExcluir
  2. Oi Greice,
    tudo bem?
    É a primeira resenha que leio desse livro. Sempre quis ler essa trilogia, e agora descubro que vem mais um por ai. Alguns gosta e outros não gostam, mas como eu gosto de magia, bruxos e similares, acho que vou ler, ainda mais depois da sua resenha, onde descobri que teremos mais ação e suspense.
    beijinhos.
    cila-leitora voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Está sim Tammy, bem diferente e não vejo a hora de sair o último da saga!

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos