16 maio 2011

14

Desabafo de Blogueira: Será que o amor me conhece?

Acho que escrever este post é como rasgar um pedaço do meu coração. Deveria começar como: " meu querido diário?". Não escrevo diários mais, mas o blog serve como um.
Até que ponto o coração da gente pode amar de verdade? Ou pode aguentar as decepções de um amor?
Se é que um dia possa ter amado de verdade.

Acredito que o amor seja um líquido que a gente beba e ele passe rapidamente pelo nosso corpo, faça toda sua obra delicada de momentos ótimos e depois saia como se nunca tivesse entrado.
Mas há aqueles momentos de retenção de líquidos em que você deseja que ele não vá embora e guarda ele ao máximo, sabe.

É, isso acredito ter sido bem no passado, quando as borboletas vinham à janela do meu estômago e vibravam sem parar o colorido do arco-íris.
Será que o amor sabe que eu existo e procuro por ele?
O amor a dois, aquele que aquece, que acende o desejo, que cria o conjunto de carícias infinitas.
Desejo cafajeste que faz eu te querer e depois você me massacra como se fosse um jogo de crianças sem sentimento uma com a outra!



Meu desejo diário é de querer a solidão, mas quando a noite bate eu desejo intensamente um abraço, um sorriso maroto, uma conversa sobre qualquer coisa, um colo.
Colo que com os olhos você demonstrou que poderia, mas que com palavras cegas destruiu em segundos.

Não seus homens brutos e indecisos! Eu não sou feita de pedra para ser usada e jogada fora.
Sou moldada de açúcar e derreto ao sonhar com a expectativa de um sentimento verdadeiro!
Não sou a garota festeira, mas me convide que eu estarei lá!
Porém não seja idiota em pensar que pode me convencer de tudo. Eu posso sorrir, desejar, persuadir e sonhar. Mas ser pisada duas vezes, não mais!

Querer conhecer alguém é como mergulhar num livro de suspense que só se desvenda página por página.
Então porque querer me conhecer é somente isso e depois rasgar o resto das páginas? Sou um livro por inteiro! Leia-me até o final!
Mas eu li nas entrelinhas. E acredite, "hot baby", sou um livro bem estruturado e cheio de conteúdo para poder me ler em apenas poucos dias!
Quer me ler, venha com calma. Não quer, as páginas continuarão abertas.
Porque se o amor não me conhece, pelo menos o desejo sabe que eu existo.
Quem sabe o acaso não me encontre...

Você é bom, mas não é o único!

Beijos,


14 comentários:

  1. Caraca, arrasou!!! Gre, achei ótimo este texto e tô pensando seriamente em copiá-lo com a sua autorização para enviar quando precisar,rsrsrs.
    Amiga, continue sendo esta pessoa que é, e acredite que quem te merece ñ vai te decepcionar, com certezaa!!! Valorize-se sempreee, poisss é como vc finalizou aí,pode ser bom, mas único NUNCA.

    Bjussss gata!!!!

    ResponderExcluir
  2. Bem,
    quase fui as lágrimas com suas palavras, tão verdadeiras, elas retratam exatamente o que estou passando!!!! Noossaa!!!!
    Vivi com uma pessoa durante cinco anos e sábado descobri que após um ano de separação, ele está namorando, sofri, e espero que esse líquido de amor se absorva rapidamente do meu ser. bem rápido.
    Mais uma pergunta...Onde se enfiaram os homens? Quero um !!!Moro só, e a noite tmb sinto falta de um colinhoo. Bjus, amei o post.

    ResponderExcluir
  3. Greice, seu post reflete exatamente o meu momento atual, terminei com meu namorado recentemente (quinta) e estou refletindo sobre o amor, sobre como eu não dou certo com ninguém e muitas outras reflexões... amei seu post! Beijinhos, Nane www.vovoqueensinou.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Que desabafo, hein!?
    É bom mesmo botar pra fora o que nos aperta o peito.
    Amiga, confie em você, seja mais você, não abaixe a cabeça por alguém que te deixou, quem saiu perdendo foi ele. Mas não fique a espera de um amor perfeito, afinal não somos perfeitos.
    Como naquele ditado: não ha mal que nunca acabe, nem bem que sempre dure.
    Tudo nesse mundo é passageiro, então, aproveite o máximo os bons momentos, fazendo de tudo para que perdurem por mais tempo, e nos piores momentos, mostre que você é capaz de se erguer e seguir em frente, as dificuldades não reistem a persistência e determinação.

    PS: o único amor perfeito é o de Deus por nós

    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Mto do q vc diz ser amor, acredito ser paixão.... O amor não passa nunca.... muda, mas não passa! Bjo

    ResponderExcluir
  6. Pois é, acredito que muitas meninas passem por isto. Eu não terminei, fico mais pensando que ao conhecer alguém fico na expectativa de algo e alguns não querem nem saber disto e magoa sabe, magoa mesmo, pra caramba!
    Se eles soubessem como somos sensíveis....

    ResponderExcluir
  7. Amar dói, mas dói na alma, porque ela nunca será a mesma depois do amor, e falo Amor com A maiusculo, aquele que em que nos doamos por inteiras , em que vemos no outro suas melhores qualidades e piroes defeitos e mesmo assim o aceitamos sem querer modificá-lo.
    Quem não te lê por inteira que se contenta com apenas um capítulo é porque não sabe realmente ler um ser humano,ev que se contenta em olhar apenas as imagens que não refletem a pessoa que existe dentro de ti e o torna um analfabeto amoroso.

    ResponderExcluir
  8. Oiiii!!!

    Concordo contigo, por isso que eu joguei a toalha.

    ;D

    Beijosss.

    ResponderExcluir
  9. Belíssimo post! Mesmo com "pouco homem no mercado" não devemos nos desvalorizar! bjs

    ResponderExcluir
  10. Olá Greice, estou entrando no mundo da blogosfera agora... e vi que seguia seu blog então comecei a ler seus post! Amei esse sobre o amor, com coisas que podem até ser pessoais, mas que se tornam coletivas por quase todas estarem passando por esse momento.
    Vou passar aqui mais vezes..
    :)

    beijos

    ResponderExcluir
  11. Amei homens por um dia, amei homens por uma semana, amei homens por uma eternidade. Mas nunca deixei de amar. É o amor que me torna humana, é a busca do complemento que nunca faz cessar a minha doce esperança.
    Sempre a busca.
    Me machuquei? Diversas vezes.
    Saí ferida? Cutucada como onça, virei fera, fiquei mansa e continuei procurando.
    Mas jamais, jamais desisti, mesmo com medo de me machucar de novo, jamais desisti.

    ResponderExcluir
  12. ola eu adorei o seu desabafo e acho que você tem toda razao eu to precisando de ajuda sabe tambem acho que o amor me deixou para traz e aó aqui mesmo pra ser compreendida eu vou contar,namoreui um menino durante 4 anos da minha vida planejavamos nos casar tinhamos planos de ficar noivos ano passado pois entao quando faltavam 3 meses pro nosso noivado ele terminou comigo ate intao eu só tenho decepçaõ e nunaca mais consegui ficar com nenhum menino eu me sinto horrivel pareçe que não tenho mais o poder de seduzir e não me sinto mais desejada quando saio com algum menino na hora do beijo eu travo eu não consigo eu preciso de ajuda preciso me sentir capaz de seduzir de novo tenho que voltar a sentir esse meu lado de mulher se puder me enviar uma resposta,fazer uma materia sobre isso ia ajudar e muito vo deixar o meu e-mail pamela-kryz@hotmail.com é o do msn tambem conto com sua ajuda ate mais beijos

    ResponderExcluir
  13. Ualll muiito profundo e verdadeiro, moça te desejo uma felicidade tão grande quanta a minha, saiba que estou amando e que não é prefeito e por isso é lindo e o mais importante é real.
    Ah, amei o post PARABÉNS!
    Gostei tanto que indiquei no #IdeLinks.
    http://ideiaoquadrado.blogspot.com/
    Bjuss
    @IlmaraaRibeiro - Twitter

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos