26 janeiro 2011

8

Sofrendo com Acne Adulta?

Sabe uma coisa que me deixa uma lembrança super ruim da adolescência? São as espinhas! Nossa como eu sofri! Não tive pele de pêssego, nem aquela chamada 'bundinha de bebê'. Quando começou lá pelos meus 16 anos, foi o caos total. Não era uma ou duas. Eram várias.



Agora já estou na fase adulta e melhorou a minha pele.
Mas a acne adulta continua para muitas pessoas! E pode ser por diversos motivos. Até por aqueles que menos imaginamos.
A acne adulta tende a ser um pouco diferente da adolescente, por aparecer mais na parte inferior do rosto e aparece como se fossem mais difíceis de serem tratadas.
Quer ver?

1- Produtos que usamos para os cabelos:
Sim! Os produtos que nós usamos nos cabelos, shampoo, condicionador, leave-in, fixador e demais produtos, de uma forma ou outra acaba caindo em nossa pele e o produto fica ali cobrindo os poros.
Isso costuma acontecer mais na parte da testa, principalmente em quem usa franja, que abafa ainda mais o local.

Dica: Depois de aplicar cremes ou fixadores, passe um removedor de maquiagem ou um sabonete para limpar a pele.

2 - Quantidade de Cosméticos Usados:
Sabe como somos nós mulheres! Como a indústria de cosméticos anda rápido, pelo menos eu faço isso, eu sempre estou provando novos produtos. E nem sempre eu estou de olho no que é mais correto para meu tipo de pele.
Mesmo que se tente produtos anti-acne, a troca muito rápida entre produtos pode fazer mal para a pele, pois ela não consegue se adaptar tão rapidamente.

Dica: Se o objetivo é tratar rugas e espinhas, o ideal é escolher de um a dois produtos e utilizar durante 4 -6 semanas para a adaptação da pele e um bom resultado.

3 - Limpeza de Pele:
A pele quando é mal limpa a gente sabe que vai ser danificada. Outro problema é que agora as mulheres que usam maquiagem mineral acham que não precisam limpar a pele.
O problema não é só a maquiagem e sim a poluição, a sujeira acumulada ao longo do dia.

Dica: Lavar a pele todas as noites de forma correta: lavar, tonificar e hidratar sempre com os produtos corretos para cada tipo de pele.

4 - Mudança de ambiente:
A pele geralmente está habituada ao local que você mora. Quando você vai para outra cidade, outro ambiente diferente ela tende a mudar devido à umidade, ao clima e diversos fatores. Sim, acredite que existe até isso.

Dica: Tente lavar o rosto sempre com água mineral e jamais com sabonetes diferentes. use sempre o sabonete específico para pele que você usa.

5 - Alimentação:
Aquela coisa de que bolo de chocolate dá espinha, na verdade é baseado em toda a alimentação. Frituras, refrigerantes, doces, tudo isso faz com que o organismo reaja e coloque para fora a sujeira do organismo que adivinhe onde vai?

Dica: Que coisa chata...mas cortar essa parte de comida gostosa e colocar legumes, verduras e alimentos ricos em proteínas na sua alimentação.

6 - Stress:
O stress que hoje em dia é quase impossível não sentir ele, pode liberar substâncias químicas inflamatórias e causar alterações hormonais. Por isso que a gente sempre diz: 'Não acredito que esta espinha apareceu justo neste dia!'

Dica: Tentar fazer programas que acalmem os nervos: yoga, meditação, ver filmes de comédia.

7 - Telefone Celular:
O quê? Nessa nem eu acreditei! Mas é verdade. Quando falamos no telefone celular, deixamos perto da boca diversas bactérias que são adquiridas nos ambientes em que os telefones são colocados.
E aí quando falamos, criamos a umidade e o calor, ótimo para as bactérias. Isso também vale para o telefone fixo.

Dica: Desinfetar os telefones diariamente com álcool ou desinfetante de mão diariamente.

Quanta coisa, certo? Pois é, quem imagina que a acne é causada só por alguns motivos básicos está enganada.
Nem eu imagina que seria tudo isso até ler uma matéria super completa.
Não poderia deixar de trazer estas dicas para vocês e com isso uns produtinhos básicos para a pele com acne.




Além dos produtos citados acima, o ideal também é consultar um dermatologista para ver melhor o tipo de pele e qual a intensidade da acne para um melhor tratamento!
Eu já usei esta linha da Clean & Clear e acho ótima para uma fase mínima de espinhas. O sabonete é maravilhoso e deixa a pele super limpa. É o sabonete diário que eu tenho.

Beijos,

8 comentários:

  1. essa do telefone eu realmente não sabia, até assustei! adorei o blog, parabéns *-*

    http://bygarotas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Greice mulher! Que coisa hein?!

    Eu estou sefrendo desse mal agora na vida adulta, na adolescência nunca tinha quando aparecia era uma perdida. Agora tavam aparecendo várias, fui numa dermato e tá melhorando meu rosto, mas nada de 100%... =(

    Obrigada por passar lá no blog... =)

    Um xeiro.

    ResponderExcluir
  3. Querida tem selinho para você lá no meu blog... =) Um xeirinho.

    http://vidadequemcasacedo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Olha que coisa, muito interessante seu post, coisas que eu não sabia aprendi agora lendo!!! Rsrs

    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Oie Greice, tudo bom?
    Primeiramente gostaria de agradecer o seu comentário lá no blog, o apoio que recebi foi tanto que de repente a inspiraçao voltou, e em breve terei um novo post!!
    Nossa ainda sou adolescente, tenho espinhas por causa dor hormonios mesmo .. . Mas jamais imaginaria que taantas coisas simples e que fazemos sempre poderiam causar espinhas . . .
    Obrigada pela dica ^^
    Bom já vou indo..
    Fique com Deus Beijos

    ResponderExcluir
  6. Adorei o post! Já sofri mto por conta da acne. Hj raramente nasce uma espinha, mas tenho várias marquinhas! Bjo

    ResponderExcluir
  7. Oi Greice! Eu não tive espinhas na adolescencia. NO máximo aparecia umazinha e tinha que ser sempre na ponta do nariz (me sentia a própria bruxa..kkk). E olha que uma já incomoda, né? Adorei o post! Fiquei impressionante como fatores externos contribuem para maltratar nossa pele. O que me chamou a atenção foi o fato dos produtos para o cabelo contribuirem para obstruir os poros. beijos

    ResponderExcluir
  8. Olha, tem que haver um grande esforço para o tratamento das espinhas: alimentação, produtos e tal. O maior esforço creio que seja a alimentação.

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos