08 outubro 2010

5

Você Conta Tudo Para Suas Amigas?

"Oi, amiga. Deixa eu te contar um segredo..."

Conhece essa frase? Eu tenho ela decorada. Até porque tem coisa melhor do que fofocar com as nossas amigonas do peito? Contar as aventuras do dia, os bafões, as trapalhadas, as piadas, falar da roupa da colega, do vestido que tanto deseja comprar e do relacionamento que está tendo?

Uma pesquisa declara muito mais: 43% das mulheres que traem contam para as amigas.

MAS É ÓBVIO! Precisa mesmo fazer uma pesquisa para isso? E só 43%? Tem certeza?
Poxa vida, vamos contar para quem? Para quem traimos? Para pai, mãe, cachorro? Se bem que eu já conversei sobre isso com o meu cachorro, mas como eu não ouvia nenhum conselho a respeito a coisa ficou meio sem graça. Risos.



A pesquisa diz que a mulher tem grande dificuldade de guardar segredo sobre esta situação e que os homens são menos confiáveis nos amigos e não revelam este tipo de informação para não se tornarem vulneráveis.
Ou seja, homem é assim: "Não vou contar para o meu amigo porque ele vai contar para minha mulher e vai ainda querer pegar ela..."

É, queridas amigas, alguns homens são assim. Tenho diversos amigos que pensam assim.
Mas mulher quando conta, sabe para quem contar. Mulheres fazem amizade. Homens fazem 'coleguismo'.
E nem estou julgando o fato de estar certo ou não a questão da traição, porque cada um tem ou não o seu motivo, mas poder confiar nas amigas para qualquer revelação de segredo é mais do que fundamental!

Olha pesquisadores, eu conto para minhas amigas até quando estou com cólicas, viu. Elas sempre perguntam como estamos, como passamos o dia.
Mulheres conversam assim:
- Oi mulher, como tu tá?
- Ai eu tô cansada. Tive que passar hoje lá naquela loja para comprar o vestido que eu queria, mas passei o dia naquele trabalho estressante. Blá, blá, blá. E tu?
- Eu fui fazer as unhas. Amanhã vou dar uns pegas no moreno que to ficando sabe?
- Ah, eu tô com uma cólica....Deixa eu te contar um segredo...

E assim vai por horas.
Agora com homens ocorre o seguinte:
- E aí cara, como tá?
- Bem, e tu?
- Bem. Valeu!
- Falou. Tchau!

E acabou! Então por favor, 43% é pouco, viu! Nós contamos sim. Mas preservamos nossa identidade sempre. E aí daquela que resolver sair contando os nossos podres por aí...
Mulher fofoca mesmo, mas louca ela não é!

Beijos, meninas.

5 comentários:

  1. Adorei o post.
    kkk

    Eu não me encaixo mto nessa história pq por trabalhar no meio de homens eu acabo tendo amigos homens.

    Bjs
    =]

    ResponderExcluir
  2. tbm acho 43% pouquissimo! toooda mulher q se preze conta seus babados p as amigas! kkkkk bjao

    ResponderExcluir
  3. Pior que é verdade né haha
    conto tuso e mais um pouca pra minha bff, mas tem coisa q não da pra contar n ;x
    haioeuhae
    adorei o post!
    bjos
    agirlaplanet.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Nossa o post é até interessante, mas ler que homem n tem amigos e sim "coleguismo" foi d+ pra mim. Isso é um absurdo uma vez q onde n há amizade de verdade é entre duas mulheres. Quantas vezes presenciei amigas de anos se deixando de falar por besteira, leve em consideração q vcs como muito sentimentais podem sim brigar feio por qualquer besteira! Posso n ter visto casos verdadeiros de "amigas de verdade", mas entre homens é muito difícil presenciar uma discussão terminar em um: "n falo mais com vc pra sempre forever"; aja vista que tudo se resolve com um diálogo: "ei cara qual é a tua, tu é fresco é? Para com isso!" e tudo se resolve!Mas se resolve mesmo, n há mais mágoa!
    há e mais uma coisa...

    MULHERES - Podemos dormir com nossas amigas sem sermos chamadas de lésbicas...
    RESPOSTA DOS HOMENS - Podemos dormir com suas amigas que elas não contam pra vocês!

    por isso muito cuidado!

    ResponderExcluir
  5. a amizade entre os homens é muito mais verdadeira do que a que existe entre mulheres, pois não há competição.

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos