08 abril 2010

3

O vilão se redimiu?

Depois de ganhar todos aqueles ovos de chocolate – e de roubar uns bombons de seu sobrinho – até vai fazer bem ler essa notícia. Um novo estudo sugere que comer um pedacinho de chocolate por dia pode evitar doenças cardíacas.

Cientistas alemães dizem que comer 100 gramas de chocolate por dia diminui em 39% as chances de que você desenvolva problemas no coração.

Mas antes de se empanturrar de chocolate, é bom saber que um pedaço de 100 gramas de chocolate contém cerca de 500 calorias – e comer demais pode fazer com que você engorde e, pelo excesso de peso, desenvolva doenças cardíacas.

De acordo com nutricionistas, chocolate é saudável, mas apenas em uma quantidade pequena, substituindo outro lanchinho para balancear seu organismo.

O estudo analisou pouco menos de 20 mil pessoas por 10 anos. Eles fizeram um check-up no início da pesquisa, em 1998, e a cada dois anos faziam exames e preenchiam um questionário. Entre as perguntas, havia um item que indagava sobre a freqüência que os voluntários comiam chocolate.

No fim do estudo, os pesquisadores perceberam que as pessoas que comiam chocolate moderadamente tinham 27% a menos de chance de ter um ataque cardíaco e 48% a menos de chance de ter um infarto.

A pressão sanguínea das pessoas que comiam chocolate também era significativamente menor.

É, e os benefícios trazidos pelo doce, não param por aí. Segundo um outro estudo realizado no Centro de Pesquisas Nestlé, na Suíça,o consumo diário de chocolate amargo pode ajudar a reduzir o stress. A pesquisa descobriu que pessoas que se classificam como altamente estressadas têm menores níveis dos hormônios ligados ao stress depois de comer chocolate diariamente durante duas semanas.

Os participantes do estudo consumiram 40 gramas de chocolate amargo diariamente. Os médicos que realizaram a pesquisa analisaram amostras de urina e do plasma sanguíneo tiradas no início, no meio e ao fim das duas semanas do estudo. Os hormônios cortisol e catecolaminas, ligados ao stress, foram encontrados em menores quantidades depois do consumo do chocolate.

Sunil Kochhar, um dos realizadores do estudo, afirma que o consumo diário de chocolate resultou em modificações significativas no metabolismo dos voluntários, além de acreditar que o consumo mostrou ter “consequências a longo prazo para a saúde humana em apenas duas semanas de tratamento”. “Isto foi observado através da redução dos níveis dos hormônios associados ao stress e a normalização dos sinais do stress metabólico”, afirmam os pesquisadores.

A pesquisa se soma a várias pesquisas que mostram que alguns elementos do chocolate, como os polifenóis, poderosos antioxidantes, podem ter benefícios à saúde. Ainda assim, este estudo foi realizado com um pequeno grupo, de apenas 30 pessoas, e análises mais aprofundadas e com um maior número de participantes são necessárias para confirmar os resultados.

E aí, meninas? Vocês se habilitam? Bem,preciso confessar a vocês que de vez em quando eu me delicio com uma barra de chocolate meio amargo e realmente sinto-me mais relaxada. Sem contar também, que para quem está fazendo dieta,o meio amargo é o chocolate mais indicado, porque ele inibe o apetite. Agora, a tarefa quase que impossível,eu diria, é apreciar esta maravilha com moderação, não é verdade?
E vocês? O que acharam desta notícia?

Beijos,








Fonte: WebMD
Imagem: Google Imagens

3 comentários:

  1. Sei que eu to dando graças a Deus que meus ovos de páscoa acabaram hoje... agora posso começar a dieta amanhã rsrsrs

    ResponderExcluir
  2. É Fla, realmente é motivo de comemorar sim, pq apesar de fazer bem a saúde,os cientistas deixam claro que só é benéfico, com moderação e ovos de páscoa, agente NUNCA come moderadamente, não é mesmo? rsrsrs....

    Bjoss!!!

    ResponderExcluir
  3. Chocolate, seja lá como for é super alimento, além de ser estimulante no inverno, reforça as paixões

    Ernani

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos