03 janeiro 2010

5

Caso Boris Casoy!


BORIS CASOY = VERGONHA NACIONAL

Creio que muitas pessoas souberam ou leram algo a respeito do caso onde o apresentador, Boris Casoy, ao final do noticiário do dia 31/12/2009, sem perceber que os microfones não haviam sido desligados, fez um comentário um tanto preconceituoso, ofendendo os garis:

“Que merda: dois lixeiros desejando felicidades... do alto de suas vassouras... dois lixeiros... o mais baixo da escala do trabalho...”

A âncora do Jornal, Millena Machado, não deixou de dar sua risadinha, que pode ser ouvida também. Não é somente o apresentador que deixa sua marca infeliz na história televisiva.

A repercussão foi imensa. Artistas relataram e demonstraram sua indignação em diversos meios de comunicação como: Twitter, Blogs, Jornais e Revistas.

Após toda esta polêmica, Boris Casoy ainda tentou pedir desculpas:
“ Ontem, durante o intervalo do 'Jornal da Band', em um vazamento de áudio, eu disse uma frase infeliz, que ofendeu os garis. Por isso, quero pedir profundas desculpas aos garis e aos telespectadores do 'Jornal da Band'."

Cada um tire suas próprias conclusões. Fica a minha vergonha para com este infeliz ser humano, como brasileira que já não assistia a este noticiário e que, depois deste comentário e apresentador, jamais irei ver. A minha opinião é de que não fique impune uma atitude destas, já que Boris Casoy já passou por algumas emissoras de televisão, sem muito sucesso. Percebe-se o motivo.

Fácil é falar sobre os profissionais que ficam de sol a sol, ganhando seus dois salários mínimos, enquanto “alguns” ganham uma montanha de dinheiro para rir da força alheia.
Como o “valoroso” apresentador diz: “Isto é uma vergonha”

Fica minha ideia: Boicote ao 'Jornal da Band'. Sei que nem todos tem culpa, mas manter uma pessoa como esta lá, é como manter um presidente, que odeia sua nação, no poder!

Quem desejar rir um pouco sobre o "apresentador", vale a pena conferir este site: desciclopédia.

Os vídeos da gafe e do "pedido de desculpas".


5 comentários:

  1. Vergonha,esse foi o meu sentimento,ao ver a noticia na net,pois não vejo o jornal e agora é que não verei,a"o mais baixo da escala de trabalho" é na minha opinião muito mais importante que médicos pois é graças a eles que não temos muitas doenças.Quanto ao Bóris,precisa de vez em quando falar uma besteira dessa para sair de sua insignificancia por alguns dias alguns lembraram que ele existe,obrigada pela oportunidade de falar,
    Rosa Maria.

    ResponderExcluir
  2. Nossa Rosa Maria, falou tudo! Só assim mesmo para ele conseguir ser notado! parabéns pelo belo comentário!

    ResponderExcluir
  3. Quanta falta de noção vinda de um homem que se acha no alto da 'moral e bons costumes'...

    Eu já não assisto a Band por ser uma rede que permite programas como o da Márcia, que é sensacionalismo baixo e ofensivo PURO.

    Agora eu não quero ver mais nada mesmo!!!

    ResponderExcluir
  4. Éinfelismente ainda temos que escutar e as vezes até conviver com pessoas que vivem no século passado guardando seu Pré conceito sobre pessoas, ainda bem que esse aúdio estava aberto pra que ele visse a cena Horrenda que ele fez e talvés, eu dise talvés se envergonhar das suas palavras!
    Porque realmente eu acho que pessoas assim não mudam o Pré conceito convive dia a dia com elas, mais pelo menos apartir de agora ele vai pensar umas vezes antes de falar sobreo preconceito que ele tem!

    Rosangela Amarina da silva
    rosangela1919@pop.com.br
    Blog: Estrela da Sorte

    ResponderExcluir
  5. Eu sou estudante de Jornalismo e sinceramente não sei o que pensar do ocorrido. O comentário dele foi infeliz, mas pelo menos ele teve a decência de pedir desculpas. Pessoas que trabalham na mídia não são isentas de preconceitos. E ninguém dos cargos mais elevados da empresa/emissora os acusa ou julga, desde que façam bem o seu trabalho. Claro que um médico, advogado, geólogo ou arquiteto poderiam falar mal dos garis tanto ou mais do que o Boris falou e ninguém saberia, justamente porque nos seus trabalhos não existem áudios para "vazarem". Por isso acho que crucificá-lo ou boicotar o programa da Band (que inclusive, eu nem vejo) já é um pouco de exagero.

    ResponderExcluir

Olá!
Obrigada pela visita ao blog.
Tento sempre responder aos comentários aqui no blog e, se deixar o seu blog, retribuir as visitas o máximo possível.
Beijos