19 outubro 2017

0

Um Verão para Recomeçar - Morgan Matson! [Resenha #369]




Quando as coisas ficam difíceis a melhor estratégia é sempre fugir. Pelo menos é isto o que pensa Taylor, uma adolescente de 17 anos que está terminando o terceiro ano. Desde sempre, quando precisava encarar uma situação muito ruim que sabia que emocionalmente não daria conta, ela saía pela porta de casa e ia em alguma direção, sem pensar no que aconteceria mais tarde. 

A verdade é que ela sempre voltava para casa, já que seu querido pai entendia a sua menina, e o carro de alguma forma aparecia como mágica e a levava de volta para o conforto de sempre.

Agora chegou o momento das férias de verão e o que sempre foi programado em família é que todos se unissem e fossem para a casa no lago Phoenix para usufruir dos três meses inteiros. O problema agora é que depois da última vez, aos doze anos, Taylor não queria mais colocar os pés naquele lugar já que muita coisa ruim aconteceu e ela não tinha coragem de encarar a verdade.

O caos havia se instalado na vida de Taylor. Mesmo com seu irmão mais velho e sua irmã mais nova, o que mais doía é  que seu pai está doente. E a doença que apareceu do nada, com dores nas costas em um homem totalmente trabalhador e empenhado, agora estava tirando todas as suas forças. O que os médicos falavam não gerava nenhuma esperança e este verão seria o último com a família completa. Não teria como negar a ida novamente para a casa do lago.

Agora Taylor vai precisar enfrentar a dor e o sofrimento de uma doença cruel em sua família, rever seu antigo namorado e sua ex-melhor amiga. Tudo isto em um cenário que revela diversas memórias. O difícil vai ser lidar com tudo ao mesmo tempo.




Autora: Morgan Matson
Título Original:  Second Chance Summer
ISBN: 9788581636627
Páginas: 352
Ano: 2017
Gênero:  Drama
Editora: Novo Conceito
Livro cedido em parceria com o site Thunderwave.com









Os livros que a Novo Conceito lança tem um foco principal no público mais jovem, que todavia foca também em personagens mais jovens, em média a partir dos dezesseis anos. Dependendo do leitor isto pode parecer um ponto negativo mas não há razão para isto pois os livros não trazem situações infantis ou monótonas, pelo contrário, são coisas as quais muitas adolescentes passam nesta idade.

Pela capa que a editora escolheu e até mesmo pelas estrangeiras fica parecendo que a história é algo meio adolescente em relação a um namoro, uma história de amor e uma diversão sem fim. E é o contrário de tudo isto o que se passa neste livro. Claro, talvez a ideia da venda da história fosse esta e o que mais me cativou foi justamente a contraposição do que a capa prometia.

Taylor é uma personagem que cativa. Talvez para alguns leitores ela possa parecer frágil demais e que desiste fácil, mas eu consegui entender ela por todas as ações que ela agira, pois sei como é difícil encarar certas situações e como o fato de querer fugir para não encarar certas coisas parece a melhor situação mesmo que seja passageiro.

O enredo de um drama familiar com o pai sofrendo de uma doença grave e a família precisando encarar que será o último verão juntos é algo que mexe com o emocional, mesmo que a história não vá ficar mostrando cenas pesadas e de fazer chorar como livros mais focados em doenças. Pelo contrário, mostra a visão de uma família que tenta se manter unida e na esperança de dias melhores.

Isto também se resume na questão de Taylor enfrentar o fantasma do passado de ter abandonado seu ex-namorado e melhor amigo e também sua ex-melhor amiga, que claro, na época dos seus doze anos não era nada grandioso. Achei legal a abordagem da autora em relação ao namoro já que era algo mais inocente e ao mesmo tempo tão bonito.

A relação de amizade mostrada na história e como cada um tem sua forma de enfrentar seus medos é bem realista. Há capítulos em que ficava relembrando a mesma época e algumas cenas em que também enfrentei tal situação e me colocava no lugar da personagem. Algumas coisas sempre consideramos diferentes hoje, mas cada um contribuiu de uma forma a que a história se torne apaixonante e o final suficiente a querer mais.

Gosto de conhecer novas autoras e nisto a Novo Conceito sabe inovar sem decepcionar. Vale a tentativa da leitura.







16 outubro 2017

0

Querido John - Nicholas Sparks! [Resenha #368]


 Após uma juventude de rebeldia e bebedeira, John Tyree decidiu dar início a um novo capítulo em sua vida e se alistou no Exército. Um ano depois, agora um novo homem, ele retorna a Wilmington, na Carolina do Norte, para passar um tempo com o velho pai. 

Uma tarde, enquanto admira o pôr do sol da pequena cidade litorânea, ele conhece a garota de seus sonhos. Além de ser linda, Savannah é amigável, de sorriso fácil, um exemplo de boa conduta e altruísmo. 

Curiosamente, esse contraste de personalidades não impede que um sentimento arrebatador nasça entre os dois. No entanto, John precisa voltar para a Alemanha a fim de concluir o serviço militar. 

Em nome do amor, Savannah decide esperar por ele, enquanto o jovem soldado promete que, após esse período, vai ficar para sempre ao lado da mulher que conquistou seu coração. O que nenhum dos dois poderia esperar eram os eventos do 11 de Setembro. 

Enquanto John entra em combate no Iraque, Savannah precisa reunir forças para superar a dor da distância. Nesse cenário de saudade e incertezas, uma simples carta pode mudar a vida dos dois para sempre.


Autor: Nicholas Sparks
Título Original: Dear John
ISBN: 9788580417715
Páginas: 256
Ano: 2017
Gênero:  Ficção / Romance
Editora: Arqueiro





Quando iniciei a leitura me perguntaram como eu ainda não tinha lido essa obra, já que gosto do Sparks. Creio que o motivo seja que passei a me apaixonar por seus livros quando eles começaram a ter finais felizes.

Sempre que um romance aparece na banca o que buscamos são finais felizes, afinal a vida já é bem realista, para encontra-las nos livros também.

John é um rapaz que se encontra perdido e depois de terminar seu namoro decide se alistar no exército. Onde ele amadurece e encontra sua direção. E em uma visita a seu pai durante suas férias ele conhece Savannah.

"Encontrei gênios e idiotas, mas no fim das contas fazemos o que fazemos uns pelos outros. Por amizade. Não pelo país, não por patriotismo, não porque somos máquinas programadas para matar, mas por causa do cara está ao seu lado. Você luta por seu amigo,  para mantê-lo vivo, e ele luta por você. "

Ela é uma jovem que além de sociável é muito ativa na comunidade e em ajudar o próximo, além de ter uma fé nas pessoas que a torna admirável.

A paixão entre eles acontece rapidamente, porém logo John precisa retornar ao serviço e essa distância os deixam preocupados. Namorar a uma distância tão longa e os riscos que ele corre, se torna complicado, por mais que o amor seja forte.

"Quando seus lábios encontraram os meus, soube que poderia viver cem anos e visitar todos os países do mundo, mas nada ia se comparar àquele momento único em que beijei  pela primeira vez a garota dos meus sonhos e soube que meu amor ia durar para sempre."

Nessas páginas aprendemos que o amor vai além de muitas outras coisas. Ele transforma e nos dá uma outra visão de nossas escolhas. 
As vezes amar é libertar, as vezes é aprender a conviver com a pessoa do jeito que ela é e em outras é saber que o certo a fazer, nem sempre é o que desejamos.


Se praticarmos o bem, ele nos retorna de diversas formas. A vida não é um caminho sem pedras, mas saber contorna-las e continuar no caminho certo é o que nos define.

Tirar uma lição das obras de Nicholas Sparks é normal, afinal ele te passa a mensagem, basta que estejamos abertos a lê-la e aprender com ela. Nem todo final é feliz para todos,  mas se você ainda não teve o seu, é porque não chegou ao fim. Sua felicidade pode estar mais perto do que imagina, as vezes virando a esquina.

Sua história faz parte de você e ela te torna quem és. Viva, aprenda, ame e espalhe as sementes boas, para colhe-las no futuro. Nem um dia é igual ao outro, amanhã pode ser melhor. Enfrentar os problemas é dissolve-los, para passar de fase.

Em relação à diagramação, como li em e-book não há como dar uma opinião completa, mas a Arqueiro sempre costuma ser bastante coerente em relação a obra e os capítulos seguem intercalados entre os personagens.




Esta edição é especial em comemoração aos 10 anos de lançamento do livro e um dos romances mais vendidos do autor. Também foi lançado em versão de filme, como a capa acima demonstra.


ESTA RESENHA FOI FEITA PELA BLOGUEIRA E COLUNISTA CONVIDADA ELIS DO BLOG A MAGIA REAL.



12 outubro 2017

1

Três filmes imperdíveis em outubro e novembro!


Sempre que consigo ver algumas novidades no cinema já fico anotando mentalmente o que quero assistir e me programo para convidar as pessoas. Sim, não anoto em nenhum lugar porque gosto de estar sempre olhando os sites do cinema. É uma coisa meio que viciante mesmo. E desta vez são três filmes que quero assistir e que ainda não divulguei aqui no blog.


ALÉM DA MORTE
Estreia nos cinemas: 19 de outubro de 2017



No início quando vi sobre este filme não dava nada nada nele porque pensei que fosse algo meio que ficção, não que eu não curta o gênero, mas assim que assisti ao trailer já fiquei super curiosa, pois adoro este lado em que o sobrenatural assume um papel na história. Me lembrou um pouco do seriado The OA, mesmo que em um outro contexto.


Sinopse: Na esperança de fazer algumas descobertas, estudantes de medicina começam a explorar o reino das experiências de quase morte. Cada um deles passa pela experiência de ter o coração parado e depois revivido. Eles passam a ter visões em flash, como pesadelos da infância, e a refletir sobre pecados que cometeram. Os experimentos se intensificam, e eles passam a serem afetados fisicamente por suas visões enquanto tentam achar uma cura para a morte.


TEMPESTADE: PLANETA EM FÚRIA
Estreia nos cinemas: 19 de outubro de 2017



Este filme é bem no estilo de O dia depois de amanhã e 2012. Adoro filmes meio que apocalípticos com um monte de efeitos naturais. Fico pensando em como as pessoas agiriam se houvesse algo do gênero, em como seria se o caos se instalasse.

Sinopse: Um criador de satélites precisa trabalhar em parceria com o não muito querido irmão para impedir que uma tempestade de proporções épicas destrua o planeta.


LIGA DA JUSTIÇA
Estreia nos cinemas: 16 de novembro de 2017




Eu gosto dos heróis em quadrinhos, mas não são de todos. Estes são mais da minha época de infância e ainda sinto muita saudade do Super Homem que era o meu favorito na época. Mas quero ver eles reunidos porque acho que o filme fica mais cheio de ação e engraçado. 

Sinopse: Impulsionado pela restauração de sua fé na humanidade e inspirado pelo ato altruísta do Superman, Bruce Wayne convoca sua nova aliada Diana para o combate contra um inimigo ainda maior, recém-despertado. Juntos, Batman e Mulher-Maravilha buscam e recrutam com agilidade um time de meta-humanos, mas mesmo com a formação da liga de heróis sem precedentes - Batman, Mulher-Maravilha, Aquaman, Cyborg e The Flash -, poderá ser tarde demais para salvar o planeta de um catastrófico ataque.

Estes três já estão na lista e eu ainda estou tentando ver alguns na locadora. Fragmentado está na minha lista principal e toda vez que vou tentar pegar ele alguém já o fez primeiro e olha que nem é um lançamento. 
Se você vai curtir um destes lançamentos acima no cinema comenta aqui!


11 outubro 2017

1

Lançamento de Outubro da Arqueiro!


Este mês de outubro traz ótimas novidades em lançamentos da Arqueiro. Tem uma dos melhores autoras que eu considero: Lucinda Riley. Lógico que amo diversos autores e autoras e que também já quero todos os lançamentos. Então deixo aqui a dica para que você possa ampliar sua lista de opções.



A IRMÃ DA PÉROLA
Lucinda Riley

Ceci D’Aplièse sempre se sentiu um peixe fora d’água. Após a morte do pai adotivo e o distanciamento de sua adorada irmã Estrela, ela de repente se percebe mais sozinha do que nunca. Depois de abandonar a faculdade, decide deixar sua vida sem sentido em Londres e desvendar o mistério por trás de suas origens. As únicas pistas que tem são uma fotografia em preto e branco e o nome de uma das primeiras exploradoras da Austrália, que viveu no país mais de um século antes.
A caminho de Sydney, Ceci faz uma parada no único local em que já se sentiu verdadeiramente em paz consigo mesma: as deslumbrantes praias de Krabi, na Tailândia. Lá, em meio aos mochileiros e aos festejos de fim de ano, conhece o misterioso Ace, um homem tão solitário quanto ela e o primeiro de muitos novos amigos que irão ajudá-la em sua jornada.
Ao chegar às escaldantes planícies australianas, algo dentro de Ceci responde à energia do local. À medida que chega mais perto de descobrir a verdade sobre seus antepassados, ela começa a perceber que afinal talvez seja possível encontrar nesse continente desconhecido aquilo que sempre procurou sem sucesso: a sensação de pertencer a algum lugar.


LADY WHISTLEDOWN CONTRA-ATACA
Julia Quinn

Quem roubou o bracelete de lady Neeley?
Terá sido o caça-dotes? O apostador? A criada? Ou o libertino? Londres está fervendo com as especulações, mas, se ainda restam muitas dúvidas, pelo menos uma coisa é certa: um desses quatro está envolvido no crime.
Crônicas da sociedade de lady Whistledown, maio de 1816
Julia Quinn encanta...
Um belo caçador de fortunas foi enfeitiçado pela debutante mais desejada da temporada. Agora ele precisa provar que o que deseja é o coração da jovem, não o dote dela. 
Mia Ryan delicia...
Uma criada adorável e espirituosa está deslumbrada com as atenções românticas que tem recebido de um charmoso conde. Mas um relacionamento entre eles seria escandaloso e poderia arruinar a reputação dos dois.
Suzanne Enoch fascina...
Uma jovem inocente que passou a vida evitando escândalos de repente se vê secretamente cortejada pelo maior libertino de Londres.
Karen Hawkins seduz...
Um visconde que vaga sem destino volta para casa para reacender o fogo da paixão de seu casamento, mas descobre que sua linda e decidida esposa não será conquistada tão facilmente.

ENTRE IRMÃS
Frances de Pontes Peebles

Nos anos 1920, as órfãs Emília e Luzia são as melhores costureiras de Taquaritinga do Norte, uma pequena cidade de Pernambuco. Fora isso, não podiam ser mais diferentes.
Morena e bonita, Emília é uma sonhadora que quer escapar da vida no interior e ter um casamento honrado. Já Luzia, depois de um acidente na infância que a deixou com o braço deformado, passou a ser tratada pelos vizinhos como uma mulher que não serve para se casar e, portanto, inútil.
Um dia, chega a Taquaritinga um bando de cangaceiros liderados por Carcará, um homem brutal que, como a ave da caatinga, arranca os olhos de suas presas. Impressionado com a franqueza e a inteligência de Luzia, ele a leva para ser a costureira de seu bando.
Após perder a irmã, a pessoa mais importante de sua vida, Emília se casa e vai para o Recife. Ali, em meio à revolução que leva Getúlio Vargas ao poder, ela descobre que Luzia ainda está viva e é agora uma das líderes do bando de Carcará.
Sem saber em que Luzia se transformou após tantos anos vagando por aquela terra escaldante e tão impiedosa quanto os cangaceiros, Emília precisa aprender algo que nunca lhe foi ensinado nas aulas de costura: como alinhavar o fio capaz de uni-las novamente.

ORIGEM
Dan Brown

Robert Langdon, o famoso professor de Simbologia de Harvard, chega ao ultramoderno Museu Guggenheim de Bilbao para assistir a uma apresentação sobre uma grande descoberta que promete “mudar para sempre o papel da ciência”.
O anfitrião da noite é o futurólogo bilionário Edmond Kirsch, de 40 anos, que se tornou conhecido mundialmente por suas previsões audaciosas e invenções de alta tecnologia. Um dos primeiros alunos de Langdon em Harvard, há 20 anos, agora ele está prestes a revelar uma incrível revolução no conhecimento… algo que vai responder a duas perguntas fundamentais da existência humana.
Os convidados ficam hipnotizados pela apresentação, mas Langdon logo percebe que ela será muito mais controversa do que poderia imaginar. De repente, a noite meticulosamente orquestrada se transforma em um caos, e a preciosa descoberta de Kirsch corre o risco de ser perdida para sempre.
Diante de uma ameaça iminente, Langdon tenta uma fuga desesperada de Bilbao ao lado de Ambra Vidal, a elegante diretora do museu que trabalhou na montagem do evento. Juntos seguem para Barcelona à procura de uma senha que ajudará a desvendar o segredo de Edmond Kirsch.
Em meio a fatos históricos ocultos e extremismo religioso, Robert e Ambra precisam escapar de um inimigo atormentado cujo poder de saber tudo parece emanar do Palácio Real da Espanha. Alguém que não hesitará diante de nada para silenciar o futurólogo.
Numa jornada marcada por obras de arte moderna e símbolos enigmáticos, os dois encontram pistas que vão deixá-los cara a cara com a chocante revelação de Kirsch… e com a verdade espantosa que ignoramos durante tanto tempo.

DEPOIS DAQUELA MONTANHA
Charles Martin
 Versão com Capa do Filme

O Dr. Ben Payne acordou na neve. Flocos sobre os cílios. Vento cortante na pele. Dor aguda nas costelas toda vez que respirava fundo.
Teve flashes do que havia acontecido. Luzes piscavam no painel do avião. Ele estava conversando com o piloto. O piloto. Ataque cardíaco, sem dúvida.
Mas havia uma mulher também – Ashley, ele se lembra. Encontrou-a. Ombro deslocado. Perna quebrada.
Agora eles estão sozinhos, isolados a quase 3.500 metros de altitude, numa extensa área de floresta coberta por quilômetros de neve. Como sair dali e, ainda mais complicado, como tirar Ashley daquele lugar sem agravar seu estado?
À medida que os dias passam, porém, vai ficando claro que, se Ben cuida das feridas físicas de Ashley, é ela quem revigora o coração dele. Cada vez mais um se torna o grande apoio e a maior motivação do outro. E, se há dúvidas de que possam sobreviver, uma certeza eles têm: nada jamais será igual em suas vidas.
Estes são os lançamentos do mês. Depois daquela montanha estreia em filme e como li a primeira versão do livro já espero para ver como vai ser a versão no cinema.
Você pode mais informações sobre cada lançamento e também onde comprar os livros no site da Editora Arqueiro.






09 outubro 2017

2

Discussão: Não leio o livro e resenho!



Estive conversando com algumas amigas que também são apaixonadas por livros e também tem blogs literários e acabou que entramos em um assunto que tem rondado alguns grupos sobre o assunto que tanto amamos compartilhar: livros, logicamente.

O que mais me espantou nesta questão é que apesar de sempre ver que há coisas positivas e opiniões legais como dicas de livros que eu não pensaria em ler e que depois de alguém falar sobre eu acabo desejando a leitura, surgiu um assunto que considero absolutamente inaceitável ao meu ponto de vista: ler somente o início e o final do livro para depois fazer uma resenha.

Sim, é isto mesmo o que você leu. Acontece que alguns blogueiros querem ter diversas parcerias ao mesmo tempo e é lógico que nem sempre conseguimos ler tudo em prazo hábil, principalmente quando esta não é a atividade única de nossa vida. Quando a pessoa também estuda e/ou trabalha a leitura tende a diminuir com o tempo, porém isto não significa que a condição tenha que ser prejudicada.

Quando iniciamos uma parceria, o objetivo é não somente de divulgar a obra, mas também de entrarmos no mundo da narrativa do livro e imergir com toda a história, personagens e afins, já que é um prazer imenso conhecer mundos novos. Mas a partir do momento em que a pessoa acredita que ler somente o início e o final do livro e depois repassar a sua impressão para que outros leitores acreditem que aquele livro realmente tem aquelas impressões é um ato de falta de respeito.

Se a pessoa não quer realmente ler a obra completa e assim ficar para si, é uma coisa. Mas no momento em que parte para uma publicação em algum blog e não comenta que não leu a obra toda e assim a indica comentando bem ou mal é uma ação de má fé, pois não pode ter uma opinião louvável sobre isto além de estar queimando também a imagem de muitos que fazem um trabalho correto.

Tem diversas pessoas que leem vários livros por mês porque conseguem; outros que leem poucos e tem a mesma qualidade e é assim que gera posts de qualidade na blogosfera, mas não ler e mesmo assim dizer que o fez só vai tirar a credibilidade e acredito que pessoas assim não devem possuir algum tipo de mérito ou até mesmo de ganhar parcerias, tirando a oportunidade de pessoas que buscam isto mostrando um trabalho digno de merecimento.



Então, caso você seja uma destas pessoas, por favor, analise as suas atitudes e pense se realmente o correto a se fazer. Ter milhares de livros e mostrar isto aos outros sem sequer tê-los lido e dizer o contrário não vai fazer de você uma pessoa melhor, pelo contrário, está fazendo com que você torne-se uma pessoa que não merece ser um exemplo.

E não falo de uma página ou duas. Falo de várias páginas, hein! Porque eu muitas vezes canso de cenas repetidas como em romances eróticos e até pulo uns parágrafos quando sei que vai ser a mesma coisa, mas pular páginas e mais páginas, por favor!

Precisava desabafar com esta questão pois a cada diz vemos coisas absurdas e quando parece que estamos chegando a algo cada vez maior, principalmente no âmbito literário, descobrimos que até nisso há pessoas que querem usufruir em cima de outras.


Que a literatura sirva de exemplo. Sempre.



06 outubro 2017

0

Perigosa Atração - Maya Banks! [Resenha #367]


Sinopse:

Depois de ajudar a colocar na cadeia o monstro que a aterrorizou na adolescência, Eliza Cummings mudou completamente de vida. Com um novo nome e uma missão, ela torna-se especialista em proteger pessoas. Mas nem mesmo seus dez anos de treinamento poderiam prepará-la para a notícia que acabou receber: seu pior pesadelo está de volta, em liberdade. Agora, para salvar a todos que ama, ela precisa enfrentá-lo. Sozinha. Porém, ela não contava que Wade Sterling fosse insistir em ajudá-la.


Autora: Maya Banks
Título Original: Slow Burn
ISBN: 9788539825097
Páginas: 300
Ano: 2017
Gênero:  Ficção / Romance
Editora: HarperCollins Brasil / Harlequin




" - O que eu entendo é que não vou permitir de jeito nenhum que você chore mais uma lágrima quando eu não estiver presente para te abraçar e dizer que tudo vai ficar bem. Você nunca mais vai chorar sozinha, Eliza. Não vai mais chorar de jeito nenhum se depender de mim. Suas lágrimas estão me torturando querida. Não aguento ver você chorar. É a maior sensação de impotência do mundo. Nem que seja a última coisa que eu faça, nunca mais vou dar a você nenhum motivo para chorar. E vou matar qualquer um que ponha lágrimas nos seus olhos." Pág. 154

Por esse trecho poderia dizer que o que encontrarão nessas páginas vai surpreendê-los e deixá-los apaixonados. No entanto não é o que acontece.

Eliza Cummings é no início uma pessoa forte, decidida, fiel aos amigos e trabalhadora. Seu trabalho na DDS (Devereaux Serviços de Segurança) é proteger pessoas e ela já se arriscou muito fazendo isso. Porém seu passado volta à tona e a desestabiliza, afastando-se dos amigos que tem cada um sua particularidade, ela decidi que terá sua vingança sozinha.

"Agora, porém, ele seria libertado, e dependia dela garantir que ele não fizesse mais nenhuma vítima. Mesmo que isso significasse ir para o inferno junto com ele." Pág. 8.

Wade Sterling é um homem de negócios e bem sucedido que tem amigos em comum com Eliza, apesar de eles não se darem nem um pouco. Mas essas discussões e brigas podem ser outra coisa além de antipatia.

" - Sugiro que você dê um jeito de fazer exatamente isso. Você não tem como se esconder de mim, Eliza." Pág. 27.

Em seu plano para se vingar de Thomas o homem que arrasou sua vida e esta para ser libertado, ela decide manter afastado todos seus amigos, para protegê-los. Mas amigos de verdade jamais a deixariam num momento como esse. Por isso Dane, seu parceiro deixa, Wade de olho em seus passos.

" - Eu teria feito qualquer coisa por ele, eu fiz tudo por ele." Pág. 164.

"Ele me amava, ou melhor, sentia por mim uma versão própria,  doentia e deturpada de amor, e eu acreditava nele. Deus, eu acreditava nele." Pág. 165.

Creio que não tenha gostado da leitura devido a ser uma série e esse ser o primeiro livro que li. Pois a personagem principal muda da água pro vinho no decorrer da história. De uma mulher forte e decidida, ela se torna frágil demais e submissa. Pra mim isso não teria acontecido, mudar de personalidade dessa maneira. Isso me chateou e mesmo a história seguindo uma linha, não consegui me encantar. Alguns fatos aconteceram rápidos demais e isso também me incomoda, assim como repetições.

Se a autora tivesse mostrado o passado dela sem tanto drama e a vingança tivesse algo mais elaborado, creio que teria uma outra opinião.

Quem leu a série na ordem de repente tenha outro ponto de vista. Porém pra mim não funcionou.



ESTA RESENHA FOI FEITA PELA BLOGUEIRA E COLUNISTA CONVIDADA ELIS DO BLOG A MAGIA REAL.



03 outubro 2017

20

O Voo da Vespa - Ken Follett! [Resenha #366]


Após a Alemanha já ter começado a conquistar diversos países com suas artimanhas, a Dinamarca é um dos países que se rendeu totalmente ao nazismo. Não que o país sofresse diretamente, já que em 1941 as leis impostas ainda não eram completamente cruéis. Mas mesmo assim os opositores já tentavam tirar Hitler do poder e fazer com que o mundo voltasse ao normal.

Harald Olufsen é um estudante que mesmo pobre conseguiu entrar em uma das melhores escolas do país, graças a herança deixada pelo seu avô e agora, depois de formado quer seguir os mesmos passos do irmão, Arne que era piloto de aviões, mas como não podia voar por ser da aeronáutica dinamarquesa, ficava somente esperando e dando aulas.

Hermia é uma britânica que morou muitos anos na Dinamarca, em Copenhagen. Depois que a guerra eclodiu ela foi obrigada a voltar para a Inglaterra e agora trabalhava como espiã para obter informações de alguma forma. Tinha como base os Vigilantes Noturnos e assim conseguia manter alguma coisa sempre à vista.

A verdade é que a Alemanha de alguma forma estava conseguindo destruir todos os aviões inimigos antes mesmo que eles chegassem ao alvo. Tinham algum sistema de alerta que fazia com que os alemães descobrissem que estavam chegando e abatessem todos. O mundo estava perdendo a guerra contra a Alemanha.

Peter Fleming é um dinamarquês que é muito a favor do nazismo. Mesmo que as regras não estejam valendo, ele tem tudo para querer conter os espiões e torturar pessoas. E principalmente a família Olufsen, a qual a família de Peter foi humilhada certa vez.

O destino de todos os personagens serão colocados em cheque, tanto para fazer com que o objeto chamado Freya seja descoberto quanto para fazer com que aliados e opositores enfrentam uma grande batalha pelo amor aos seus países.



Autor: Ken Follett
Título Original:  Hornet Flight
ISBN: 9788580417098
Páginas: 416
Ano: 2017
Gênero:  Ficção / Romance
Editora: Editora Arqueiro
Mais uma vez Ken Follet. Mais uma vez sendo grandioso. E mais uma vez colocando o papel da Segunda Guerra Mundial como plano de fundo, sendo que sempre baseia fatos reais juntamente com os personagens. 

Desta vez o que chama a atenção é a forma como os personagens conseguem fazer todo um traçado por um país diferente, não somente envolvendo a Dinamarca, como também a Inglaterra, Alemanha e Suécia. Gosto quando uma narrativa não envolve somente uma localização ou somente alguns personagens e Ken Follett tem esta estrutura de juntar vários personagens diferentes e prender a atenção do leitor em uma teia alucinante.

Fico imaginando a questão sobre como Freya foi descoberta, como foi criada pelos alemães e como eles conseguiam estar um passo à frente na questão de tecnologia. Não dá para negar como a Alemanha sempre teve uma crescente reviravolta na história, conseguindo estar sempre em primeiro no quesito de telecomunicação e este livro mostra isto. 

Outro ponto que é bastante impactante é a formação de um quadro de espiões, que logicamente existia para ambos os lados. Fico pensando em como dá medo passar pelas situações citadas no livro e em como me coloquei na pele dos personagens somente para salvar uma nação e aqueles que se amam. Neste ponto Ken Follett sabe envolver muito, mostrando como as informações são descobertas e repassadas e como tudo é sempre perigoso e que nem sempre as coisas dão certo.

Neste livro não há a questão do pragmatismo do nazismo pesado criado com a questão dos judeus, pois nesta época ainda não estava sendo praticado as chacinas em massa, mas Ken Follett já coloca como as pessoas começavam a ser perseguidas e a visão diferente dos dinamarqueses. mas mostra a questão como uma real ditadura, onde não podem haver negros trabalhando, música, bares ou afins além do que os alemães permitiam.

É um livro para descobrir mais sobre como aguerra era influenciada em um país diferente. Claro que a principal meta é fazer as informações dos espiões chegarem a um ciclo seguro para evitar um massacre em massa, e isso é feito de uma forma corajosa. É como estar vendo um filme de suspense e guerra ao mesmo tempo e torcer para algo que sabemos o final, mas que mesmo assim parece estar em um precipício olhando para baixo.

Este é o efeito que Ken Follett causa: o de inebriar e informar ao mesmo tempo. Totalmente viciante.



29 setembro 2017

10

Lançamentos de Outubro da Harlequin! Olha a Nora aí, gente!


Mais um mês chegando, quase final de ano e já pode ir fazendo a sua listinha de Natal. Mas também pode fazer uma para o dia das crianças,  mesmo não sendo mais, né? Isso sempre gera um pedido e um presente. Risadas. Mas o melhor de tudo é que as novidades da Harlequin são sempre fresquinhas e tem mais livro da Nora para colocar no pacote.


ORGULHO E PAIXÃO
Nora Roberts

Uma mulher vibrante e criativa que não quer um envolvimento amoroso.
Um homem paciente, determinado e que tem todos os passos de seu futuro traçados. Um amor que nasce de uma atração improvável, mas inegável. 

Shelby Campbell é uma mulher única que sempre fugiu dos padrões estabelecidos para as mulheres que fazem parte do cenário político de Washington. E ela tem uma regra clara: nunca se envolver com políticos. 

Até conhecer Alan MacGregor, e entender que regras servem para ser quebradas. Alan está determinado a conseguir o que quer, e não vai deixar uma disputa de séculos entre os MacGregor e os Campbell ficar entre ele e o grande prêmio: o coração de Shelby. 

Sequência da série MacGregor, Orgulho e paixão narra uma nova história da família que acha que está no topo do mundo, que vivem entre o poder e a glória. Até que os seus corações sejam roubados.


O CHAMADO DO DESEJO
Julia James

Nikos está disposto a criar o filho do seu falecido irmão. 

Para isso, vai pagar um milhão de dólares para a tia do menino. Ann é jovem, falida e sozinha, por isso achou que deixar o sobrinho ir morar com Nikos era o melhor para o bebê, mesmo que isso partisse o seu coração.

Mas agora o pequeno Ari precisa dela, e o impiedoso Nikos está oferecendo um acordo bem diferente... Ann deve passar um mês em sua ilha – à sua mercê!



ENCONTROS COM O DESTINO
Lynne Graham

PARA CELEBRAR O AMOR

O magnata italiano Vito Zaffari está passando as férias longe do olhar público, enquanto um escândalo familiar sai da mídia. 

Para se isolar do resto do mundo, ele decidiu se esconder na casa de campo de um amigo.

 Mas ficar sozinho é impossível quando uma mulher vestida de Mamãe Noel aparece de surpresa! Holly Cleaver é uma mulher surpreendente e Vito não consegue ignorar o desejo que sente por ela. O que pode acontecer quando uma noite de paixão tem sérias consequências?

PARA FESTEJAR A PAIXÃO

Frio, impiedoso e cínico, Apollo gosta de ser solteiro. Mas, para receber a herança de seu pai, ele é forçado a fazer o impensável: se casar e ter um filho! Pixie é a pior escolha possível para ser a esposa de Apollo. 

Mas as dívidas de seu irmão não permitem que ela recuse uma proposta dessas, o que a torna uma candidata bastante adequada. Mas quando a noite de núpcias revela a química entre eles, Apollo começa a repensar seus planos. 

Tudo isso antes mesmo de saber que Pixie carrega não somente um, mas dois bebês!


UMA PRINCESA EM APUROS
Jennifer Hayward

Quando Aleksandra revela que é a filha secreta do antigo rei de Akathinia, ela se vê de repente em um mundo aristocrático ao qual não está acostumada. 

Aristos, amigo da família e dono de uma firma de segurança, é encarregado de cuidar da nova princesa, e tem ordens expressas de não se envolver com ela. 

Mas a linda Aleksandra desperta desejos rebeldes nele. Com o calor aumentando, as regras param de importar, até que Aristos percebe que o mais difícil será proteger Aleksandra de si mesmo!



Você pode conferir estes e outros lançamentos no site da HarperCollins Brasil e também comprar seus exemplares na Amazon!

Depois conta por aqui a experiência romântica caso tenha lido alguma destas histórias, viu!